Já da pra confiar em fintechs, em particular o Nubank, a ponto de abandonar os bancões?

TL;DR.

Vocês confiam e usam contas em fintechs, em especial Nubank, como principal ou já tiveram algum episódio de ter ficar com um pé atrás e ainda manter e usar a conta de um dos bancões?

História

Apesar de estar com eles desde o início ainda não vejo como banco principal por conta de pequenos acontecimentos que vou relatar abaixo. Apesar de ser um “banco” modernoso, coisinhas aqui e ali ainda deixar um ar de desconfiança.

Estou na conta deles desde que foi lançada e ainda era chamada de Nuconta. Assim que lançaram a opção de pagamentos eu tive problemas, paguei boletos horas antes do limite de horário definido por eles e os pagamento só foram compensado no outro dia. Resultado, multa por atraso por ter “pago” um dia depois. Bons de atendimento que são, me reembolsaram a multa sem muitos questionamentos, o que não deixa de ser um inconveniente.

Outro ocorrido, este mais recente. Enviei um TED que demorou algum tempo pra ser efetivado. Talvez por terem mal acostumado os clientes a ser tudo muito instantâneo (TED Itaú > Nubank e vice versa costuma ser o prazo de abrir o outro aplicativo), essa pequena demora já incomoda, ainda mais ao falar no chat e dizerem que não a nada a ser feito, que o prazo é até o final do dia.

O último fato, que me motivou a escrever esse tópico foi novamente o atraso de pagamento de boletos. Paguei uma conta ontem às 10 da manhã e só compensou hoje. Se o vencimento fosse ontem, hoje teria multa, mas como macaco velho já paguei um dia antes pra não ter esse inconveniente.

Por essas e outras que ainda mantenho minhas contas em alguns dos bancões, ainda não dá pra confiar totalmente, em questão de fazer as coisas no prazo (principalmente pagamentos), no Nubank.

E vocês, passam por experiências semelhantes ou já confiam totalmente nas fintechs a ponto de deixar de lado as contas em bancões?

1 curtida

Eu nem vejo Nubank como banco, vejo mais como cartão de crédito com alguns extras, mas que não chega a ser banco por isso eu jamais teria só o Nubank.

Em relação a abandonar bancos tradicionais, eu acho que os problemas que você relatou podem acontecer mesmo com bancos tradicionais, então eu não vejo esses episódios como motivos para me ater aos tradicionais.
O que ainda me segura nos tradicionais é exatamente a existência de uma agência onde eu posso ir caso tenha algum problema e os canais de atendimento online não funcionam por algum motivo.

Vide Banco Inter, por exemplo. Teve uma vez no mês passado (ou esse mês, não lembro), que as pessoas não conseguiam acessar o app. O problema é que o app É o banco.
Claro, tem o internet banking, mas o principal meio de contato direto é no app. Em tese existe um chat no internet banking deles mas eu nem lembro aonde fica. Nessa situação, o que o cliente faz? Sobra basicamente o SAC, que todo mundo odeia porque fica pendurado e, quando é atendido, corre o risco da ligação “cair”.

Por isso que eu prefiro ter a opção de ir na agência e falar com alguém pessoalmente.

5 curtidas

TED tem prazo até o fim do dia mesmo. Normalmente é quase instantâneo, mas esse problema que você descreveu não acontece só com o Nubank. Comigo já aconteceu de “bancão” para “bancão” (se não me engano, de Santander para Itaú).

Sobre sua pergunta, ainda tenho um pé atrás com bancos novos, especialmente depois daquela “oscilação” onde o Nubank emitiu comprovantes de pagamento de boletos sem ter repassado os valores ao banco cedente.

Imagino que os bancos tradicionais, por estarem na ativa há mais tempo, têm um sistema muito mais robusto. Mas eu acho que isso tende a melhorar para as fintechs com a chegada do PIX.

1 curtida

Comigo já aconteceu várias vezes de pagar a fatura do Nubank na data do vencimento e aí cobrarem juros depois pela compensação ter acontecido após o vencimento. Sempre tinha que entrar em contato com eles pra conseguir anular esses juros, coisas que eu nunca passei com os “bancões”. Além disso, ainda tem algumas transações que não consigo fazer no Nubank, então só uso ele como cartão secundário mesmo.

2 curtidas

Acho difícil hoje em dia não ter nenhuma alternativa para emergências, já que todos os bancos uma hora ou outra dão problema.
Acho que o melhor é ter um bancão e uma fintech.

5 curtidas
  1. Ao meu ver todos os problemas que você relatou são passíveis de acontecer com bancões, a diferença é que os bancões te dão o conforto psicológico de ir para uma agência pegar coronavírus (me desculpe a ironia, ela é humorística e não pessoal) caso tenha algum problema, enquanto as fintechs você resolve pelo celular e dificilmente resolverá sem celular. (O que é polêmico, por exemplo, por eu estar digitando de um lugar em que a única operadora que pega 4G com sucesso é a Vivo, a TIM pega num canto específico da casa, a Oi sequer tem 4G aqui)
    1.5) Nubank não é banco. Banco Inter é banco. Nubank oferece conta-pagamento com saque a 6,50; Banco Inter fornece conta corrente tradicional, bem como o C6, Neon e afins. Essas diferenciações são importantes porque falamos de produtos diferentes com características diferentes no aspecto do saque. (que na conta-corrente é ilimitado) e fazem toda a diferença pra algumas pessoas.
  2. Aí vai do estilo de vida de cada um. Quem vive 99% do tempo perto de um banco 24h de supermercado/farmácia não vai sentir falta de ir numa agência sacar dinheiro. Quem mal saca dinheiro, não vai sentir falta de sacar dinheiro a uma taxa de 6,50 no nubank.
  3. As fintechs podem não ter a mesma experiência em prevenção à fraude, mas isso está sendo rapidamente igualado em 2020 aos bancões e o Bacen regula todas as instituições financeiras igualmente em casos desse tipo. E penaliza igualmente também.
  4. Se alguém me pergunta, eu digo que as pessoas devem ter celulares com 128gb de memória justamente para que elas possam ter contas em vários bancos para que nenhum falhe ao mesmo tempo. Mesma coisa cartão-de-crédito; ainda mais na era atual que as coisas não têm anuidade. Deixa o Spotify/Netflix em um cartão pouco usado pra ele não ser cancelado e deixar de reserva.
  5. Quanto às tarifas, elas são uma ótima maneira de transferir a riqueza da barraquinha da Dona Zélia até o acionista do Itaú (ITUB4). Alguns apreciam isso, e eu não tiro em nada a razão de quem paga elas e tem a comodidade de morar perto de uma agência do Itaú pra resolver qualquer problema que apareça. Eu mesmo tive que resolver dia desses, com a diferença que eu conseguiria resolver pelo celular se o banco deixasse (e não são todos os brasileiros que têm familiaridade o suficiente com tecnologia pra se sentirem seguros com isso). Mesma coisa com cidades pequenas que a única agência é da CEF ou do BB.
  6. Ao meu ver, dá pra confiar sim. Não somente porque é um setor que amadureceu rapidamente em poucos anos, mas não a ponto de abandonar os bancões. Redundância na vida é essencial tanto em armazenamento como em vida financeira!
  7. Eu quase caí num golpe de gente se passando pelo Banco Inter, e eu acho que demorará alguns meses pra polícia federal prender os responsáveis por propagá-lo. Até lá, melhor nubank como reserva na minha opinião.
7 curtidas

Eu tenho conta essencial (não pago nada) num bancão apenas por segurança, mas o principal dos serviços financeiros tudo no Banco Inter.

Faz pelo menos 1 ano que não abro o aplicativo do bancão.

4 curtidas

Tenho conta no Bradesco devido a parceria que a empresa tem com a instituição, devido a isso possuo alguns benefícios como 4 TEDs “gratuitos”… e monte de outras coisas que jamais vou usar como cheque (em 2020).
De qualquer maneira, uso somente pra receber o salário, mas assim que cai utilizo o “beneficio” de TED e transfiro para o Inter e Nubank onde resolvo a vida pagando os boletos, cartões, teds… Uso o Inter como conta corrente e raramente o cartão de crédito, já o Nubank uso como reserva e cartão de crédito principal, já que tenho um bom limite com a instituição.

Pq não utilizo o Bradesco? Sou usuário Android, tenho um Galaxy S9+ e o app do Bradesco é horrível, um parto tentar pagar boletos ou realizar transferenciais. O app apresenta erros de “java exception” constantes durante uso, o curioso é que o app para iOS é totalmente diferente e melhor acabado, outro ponto é a demora nas transferências, por algum motivo todas as transferências que realizo através do Bradesco demoram muito para caírem na outra instituição e isso não acontece com fintechs.

Enfim, utilizo fintechs por possuírem um melhor aplicativo, construídos pensando na experiencia de usuário facilitando o dia dia. Como o @jvvargas disse, faço a redundância entre Inter, Nubank e Bradesco para que caso ocorra um problema em alguma dessas instituições, eu não fique de mãos amarradas.

2 curtidas

Nubank não é uma conta completa, então só isso já descarta essa opção pra mim.
No caso do Inter, fora as questões de segurança, tem o atendimento, que é muito, mas muito ruim e demorado!

Então, prefiro ainda confiar nos bancões.
Como tenho 2 unicórnios aqui comigo (iConta e Digiconta), não tenho maiores problemas, com acesso a tudo o que eu preciso, de forma gratuita.

O Bradesco realmente tem esse problema de as transferências demorarem a cair.

3 curtidas

Nubank é minha conta principal. Pode ser sorte, mas nunca tive nenhum problema muito sério.
Todos os problemas de “tempo” relatados no post original envolvem outras instituições, e que só serão resolvidos com a implantação do PIX.

Tenho conta Next para poder fazer saques (quando necessário) sem custo (transferência Nuconta > Next sem custo também).

E uso o Inter como PJ há mais de 2 anos, sem problemas específicos, inclusive até a área de investimentos. Até hoje, minha única reclamação é não terem cartão de crédito liberado de forma fácil pra PJ.

3 curtidas

Vamos deixar claro usando as definições do Banco Central do Brasil.

Nubank não é banco, é apenas uma instituição de pagamento.

Só esse detalhe, já diminui a quantidade de broncas e exigências que o nubank irá receber do Banco Central do Brasil.
Em alguns pontos, essa menor quantia de exigência pode ser boa para os envolvidos (menor quantia/valor de tarifas). Em outros pontos, isso pode ser ruim (maior chance de haver uma ca**da no sistema).

Um bancão (ou qualquer outra instituição financeira), só é ruim se o cliente tiver preguiça de bater de frente e exigir seus direitos.
Eu já puxei briga na Caixa porque ao abrir uma conta corrente para financiamento imobiliário, eles colocaram quatros serviços que custavam R$ 130,00 mensais. Levei um ano, mas consegui remover tudo (converti para conta essencial) e recebi o estorno em dobro.
O Santander (meu banco principal) também já me causou dores de cabeça. Mas bastou uma visita até a agência, e os atendentes resolveram rapidamente os problemas (além de oferecerem agrados como redução da % de juros), a escolha deles foi tomar esporro interno ao invés de esporro do BCB.
Nubank até o momento não causou dores de cabeça para mim, mas já incomodou minha mãe, minha tia, minha irmã e lá foi eu resolver os problemas. Atendimento no nível da Caixa, e olha que elas só tinha o cartão…

3 curtidas

Ainda não dá confiar 100% nessas fintechs, mas estão melhorando. Não posso opinar sobre o Nubak, pois o Nubank não é um banco, e nem oferece conta corrente tradicional, e sim conta de investimentos. Tenho conta no Banco do Brasil, que é a principal e onde recebo salário, e uma no Inter, que uso para fazer TEDs gratuitos, aproveitar as promoções de cashback e usar cartão de crédito com cotação do dólar mais favorável (PTAX+1%).

Quando criei a conta no Inter, nos primeiro dias estava com dificuldades para entrar na conta, mas depois nunca mais enfrentei qualquer problema. Até agora não tenho do que reclamar, talvez só o internet banking que poderia ser completo e mais intuitivo como o do BB que é quase impecável.

4 curtidas

De fato, dos bancos tradicionais, o BB possui o melhor app e Internet Banking disparado.

3 curtidas

Nunca confie em só uma empresa, seja um banco tradicional ou fintech, tenha sempre mais de um e aproveite as vantagens de cada.

O TED caiu para regularização. Às vezes os meus caem por suspeita de duplicidade.

Eu faço isso. Não pago tarifas no meu banco tradicional e aproveito os serviços sem custo das fintech.

1 curtida

Só tenho conta em banco grande para receber salário e por mim nem teria. Sou usuário do nubank desde janeiro de 2015, o único ponto negativo é não ter regalias que outros bancos tem (exemplo, conseguir um limite a mais com seu gerente para uma viagem).

1 curtida

Você pode fazer a portabilidade do seu salario pro Nubank e não ter conta em banco grande, caso assim queira.

Sobre a pergunta do tópico, creio que se a pessoa utilize apenas o básico do sistema bancário (pagar boleto, transferencia e render uns trocado no CDB) o Nubank e toda essa torcida do Flamengo de bancos exclusivamente digitais atendem.

Um risco que esses bancos trazem é saque em dinheiro em espécie, as vezes pode acontecer uma emergencia, precisa de dinheiro na mão e dependendo da cidade a cobertura do B24H é pequena ou nula. Aí vai da pessoa analisar este risco.

Agora, se a pessoa precisa de outros serviços bancários (financiamento, consignado, seguro, etc) talvez ainda tenha que permanecer com um Itaú da vida.

Em questão de problemas operacionais, eu literalmente conheço pelo menos uma história de problema com conhecidos em todos os bancos de varejo. Porém vejo alguns que são mais faceis de lidar do que outros nessas questões.

Os boletos tem um limite de três dias para compensar. Se você pagar no dia do vencimento, o dinheiro tem até três dias para cair na conta do destinatário.

Acho extranho cobrar juros se vc tem um comprovante mostrando que pagou na data certa.

Todos os problemas relatados acontecem nos bancos tradicionais também.

Banco tradicional cobra um monte de taxas que você nem sabe o que é. Só aparece nos extratos um monte de sigla.
No NuBank, eu passei a economizar com essas taxas.

Quem é usuário básico de banco, o NuBank é nota dez.
Quem faz investimentos eu aconselho ir para os bancos tradicionais.

Hoje eu uso Caixa e NuBank. E nunca tive problemas com boletos bancários não compensados.

Guardo meu dinheiro no NuBank.

Fechei minha conta no Bradesco e o Itaú eu consegui o pacote de serviços iConta.

Estou satisfeito com o NuBank, que me abriu a nova opção de Empréstimo com juros mais baixo que a Caixa Econômica!

1 curtida