Yellow e Grin encerram aluguel de patinete em 14 cidades e retiram bicicletas

Originally published at: Yellow e Grin encerram aluguel de patinete em 14 cidades e retiram bicicletas – Negócios – Tecnoblog

Patinetes elétricos da Grin, Yellow e Rappi circularão só em São Paulo, Rio e Curitiba; bicicletas foram retiradas temporariamente

É muito triste ler isso…

3 curtidas

Poxa!! Pelo jeito não vai voltar para estas cidades :frowning:

1 curtida

Particularmente, sempre achei caro.
E em muitas dessas cidades onde está sendo cancelado o serviço, as prefeituras criaram muitos problemas (como houve em São Paulo tb).

Vai acabar minguando e sumindo.

1 curtida

Era evidente que esse tipo de transporte iria morrer logo, não é lucrativo. Irá continuar em grandes centros só para manter a marca e quem sabe encontrar outra solução para micro transporte, pois acredito que mesmo nessas metrópoles não irão ter lucro.

aqui em fortaleza chegaram várias bicis da yellow, mas nunca rolou deles operarem aqui. Eu pessoalmente acho caro. As bikes nem tanto, mas os patinetes…

Como paulistano que usava as bicicletas: Triste

Como odiador de tudo que tem dedinho da 99: Que morra :slight_smile:

1 curtida

Que pena, eu utilizava as bikes aqui em Florianópolis, achava um preço justo. Agora os patinetes sim eram bem caros, uma vez utilizei um para de ir de casa a faculdade e gastei quase 2x o preço do Uber no mesmo trajeto, aí não tem condições de manter mesmo.

Não lembro com exatidão, mas numa matéria do TB que informava as tarifas, eu achei bem caro o aluguel desses patinetes.

1 curtida

Achei até que demorou para passar a febre… Some o fato de ser caro (patinetes) com as regulações (exageradas por vezes) das prefeituras e o resultado não poderia ser diferente.

Devem concentrar todos os patines em SP e Rio para competir de igual para igual com a Uber. Uma pena.

A Yellow foi uma grande decepção pra mim :frowning_face: sou ciclista e tava adorando ver tanta bicicleta por São Paulo e ter a oportunidade de pegar uma mesmo quando não estava com a minha. Mas o serviço foi minguando aos poucos, infelizmente.

Eu utilizava muito as bicicletas, mas ultimamente estava cada vez mais difícil de ver elas, eu geralmente abria o app e não encontrava nenhuma perto de casa.
Ainda bem que ainda existem as do Itaú, que são bem melhores e acabam saindo mais baratas pra quem usa quase todo dia, único problema é que elas não podem ser deixadas em “qualquer” lugar.

No Rio aqui eu nunca entendi bem o proposito do patinete. É um meio muito legal mas a cidade não tem nenhuma infra pra gente utilizar eles a não ser em regiões turísticas e como se fosse só um brinquedo

1 curtida

Utilizei um patinete da Yellow uma única vez, e o valor cobrado pelo trajeto percorrido ficou mais caro do que o cobrado pelo Uber.
Nunca mais quis saber desse tipo de modal, que aliás, já nasceu fadada ao fracasso.

Foi igual paleta mexicana, chegou, cobrou caro por algo normal e morreu…

E choca um total de zero pessoas. O preço era alto e não valia a pena. Demais, a própria proposta não atraía muitas pessoas. Aluguer de bicicletas até faz sentido, mas quem é que quer alugar uma scooter, especialmente quando é cara?

Este tópico foi fechado automaticamente 30 dias depois da úlima resposta. Novas respostas não são mais permitidas.