Vivo e Oi são processadas pela Senacon por uso indevido do termo "5G"