Promessa de cartões microSD de 2 TB para celulares pode não virar realidade

1 curtida

Como não existe, olha esse cartão nada generico e suspeito que diz ser de 2TB :rofl: :joy:

Ao meu ver é aquele ciclo vicioso, as pessoas não compram cartões maiores por serem caros, para cartões grandes começarem a serem comuns o preço precisaria cair. Mas eu acredito que isso vai acontecer até que rápido graças a portáteis como o switch e o steam Deck, embora esse ultimo tenha a vantagem de suportar também memorias M.2.

Desde que comecei a usar smartphones com 128gb, eu parei de usar SD.
Eu usava o SD para colocar fotos, vídeos e música. Mas hoje em dia música eu ouço via streaming e fotos e vídeos eu jogo tudo pra nuvem.

4 curtidas

Quando comprei um telefone com 128Gb pensei em abandonar meu cartão de “míseros” 32Gb, mas depois de uma viagem com amigos em que 2 deles deixaram o telefone cair na agua e perderam todas as fotos (pois estávamos acampando 4 dias onde não havia nenhum sinal), voltei a usar o cartão exclusivamente para fotos e vídeos, dai depois que o Google Fotos sobe pra nuvem, eu movo as fotos pra memoria do telefone e o cartão fica pronto pra próxima.

2 curtidas

Eu quero um SD grande pra colocar meus animes favoritos e uns jogos.
Tenho um de 64 GB e 128 GB da memória do Smartphone.

Mesmo tendo um celular de 128GB ainda uso cartão para deixar a memoria só para aquilo que precisa de desempenho melhor oque não permite ser posto no cartão, como o caso do whatsapp.
Faço esse mesmo esquema no meu PC onde tenho um SSD de 500GB ai deixo ele só para o sistema e jogos mais modernos e tenho 2 HDDs para o resto das coisas, como videos, fotos e jogos antigos.

1 curtida

Quando vc tem um celular com mais de 128 GB de armazenamento, torna-se dispensável o microSD, pois vc não instala jogos pesados ou apps que demandam maior processamento em seu smartphone.
Mas com o fim do Google Fotos ilimitado, se torna necessária a assinatura de um serviço de armazenamento de dados na nuvem para quem tira muitas fotos no celular.
Com os celulares se tornando mais duráveis e o armazenamento microSD se restringindo a celulares de entrada, teríamos em dois ou três anos celulares de entrada com 128 GB de armazenamento. ou mais.

Imagina um cartão de 128GB lotadinho estragando com todo o trabalho do mês enquanto tu tenta extrair os dados… agora imagina algo 8 vezes pior acontecendo. hahahahaha

Como não? Tá doido filho? hahahaha

1 curtida

Fora que os cartões SD estão começando a cair em desuso no ambiente profissional. Alguns equipamentos não usam algum tipo de armazenamento próprio (câmeras da RED, por exemplo, até onde sei). E a Sony está voltando a adotar o CF, na verdade a renovação dele, o CFExpress, que é mais rápida tanto em pico como em velocidade sustentada.

2 curtidas

Nunca usei cartão SD, mesmo no meu humilde Moto G5S Plus de 32GB, sempre preferi jogar tudo na nuvem (Google Photos) e liberar o espaço interno.

Até hoje não consegui lotar os 128GB do meu iPad, então acho que 256GB é mais do que suficiente pro público mediano, e com novos padrões de compressão chegando, talvez fotos/vídeos não ocupem tanto mais espaço que mais armazenamento seja necessário.

1 curtida

Tá ai um bom nicho de uso para os microSD, backup local dos celulares em caso de quebra dos mesmos, pena não ter essa função integrada direto no android.

Tá na cara que esses cartões microSD de grande capacidade nunca foram feitos só pra usar em celular né? existe um público específico que realmente precisa ter bastante espaço assim, e não um mero usuário de celular, que só fica enfiado em Whatsapp o tempo todo.

Tenho um aparelho de 128 gb e um cartão de 64. Como assino o Google One no plano de 100 Gb, pra mim dá e sobra.

Meu celular tem 512 de armazenamento e com mais 1TB no OneDrive, com tudo sincronizado. Cartão de memória pra que?