Posso aumentar o uso da fan da GPU sem dar problema ou diminuir a vida útil?

Tenho uma RTX 3060, e com jogos, ela chega a 77 a 82 graus, e aumentei o uso da fan para diminuir a temperatura, e os resultados foram ótimos, não passa dos 75 graus (e raramente chega), mas posso fazer isso de boa sem dar problemas futuros na placa? (e sei que faz mais barulho, mas pra mim isso não é problema)

Outra dúvida, como o jogo que testei (Far Cry 4), fica toda hora aumentando e diminuindo o uso necessário da placa, assim aumentando e diminuindo a temperatura e o uso da fan toda hora, isso pode ocasionar um problema, ou está tranquilo?

Coloquei pra quando chegar aos 70 graus usar 75% da fan e aos 80 graus 80%, é uma configuração boa?

1 curtida

Depende do modelo da placa de vídeo. Algumas trabalham mais quente mesmo. Mas até uns 85°C é tranquilo pelo que lembro.

Mas me conta, onde tu mora é muito quente? Qual o gabinete que tu tá usando? As vezes tu consegue derrubar a temperatura só ajustando o fluxo do ar dentro do gabinete.

1 curtida

moro em são paulo, praticamente a temperatura do dia n muda nada, é que meu pc é mal refrigerado msm, como n tenho dinheiro para comprar um cooler melhor, essa acaba sendo minha última alternativa, mas então, tudo bem se aumentar a fan da gpu? (meu pc já desligou por causa de temp uma vez, jogando por apenas 15 minutos, tava um calor de 33 graus, mas mesmo assim tenho medo de minha placa esquentar muito, por isso quero fazer isso)

Esse é o trabalho do cooler.
Quanto mais intenso for o uso, mais rápido desgasta e mais rápido dá problema, só isso.
E por “problema”, eu digo problema no cooler mesmo, tipo começar a fazer barulho, o motor falhar, etc.
Se tiver condições e a placa tiver já um tempo de uso, troca pelo menos a pasta térmica da placa. Só isso já deve ajudar a diminuir um pouco a temperatura.

1 curtida

Até onde eu lembro, os fans foram feitos para trabalhar em 100% da velocidade 100% do tempo… não sei da onde o pessoal começou à tirar essa baboseira de fan estragar mais rápido. (deve ter sido de algum youtuber lesado, muito provavelmente brasileiro)

Acredito que não foi culpa da placa de vídeo, geralmente quando a placa de vídeo passa do limite, ela crasha o jogo. Provavelmente teu CPU superaqueceu.

Tu pode fazer undervolt tanto no CPU quanto no GPU para reduzir um pouco a temperatura à custo de um pouco de desempenho.

Como o centauro falou, troca a pasta térmica da placa de vídeo… mas não mexe nos thermalpads. Além disso também limpa o dissipador e fans da placa de vídeo. Se possível, também faz manutenção no cooler do CPU e verifica se ele está instalado corretamente.

Outra opção foi que tua 3060 puxou demais da tua fonte (que tu não mencionou qual seja) e ela desarmou porque ou estava trabalhando muito perto do limite e não aguentou, ou desarmou pela temperatura.

Alternativamente tu pode deixar o gabinete aberto.

Errado. O cooler foi projetado para trabalhar XXX horas antes de morrer. E até onde eu lembro, é com ele em 100%… trabalhar com o cooler mais lerdo ajuda à prolongar a vida útil, mas a vída útil dele é “adivinhada” com o desgaste dele no máximo… Além disso, existem outros fatores que matam um cooler: ele trabalhando quente, overvoltado (já vi muito 5V colocado como 12V), poeira misturando no óleo, pessoal colocando muito óleo (até lubrificação excessiva é prejudicial), etc…

Ou seja, fazer ele trabalhar mais intensamente desgasta mais rápido.

não posso trocar a pasta térmica, o pc não é meu, e o dono n deixa eu fazer nada, essa é literalmente a única forma de eu diminuir a temperatura do pc

Esse desgaste já está previsto na vida útil, que geralmente é de 50 mil horas. O que dá 5.75 anos ligados diretos em 100%.

Eu concordo com o @Keaton e com o @centauro. Por que? Simples: tudo tem seu desgaste conforme o uso, bem como o desgaste natural do material usado em todos os componentes da ventoinha (ou de qualquer outra coisa neste universo).

Este tipo de componente foi, sim, projetado para funcionar 100% da sua capacidade, em 100% do tempo, porém o desgaste sempre existirá.

A moral da história é: é muito mais provável que você substitua a sua placa de vídeo antes das ventoinhas começarem a dar algum tipo de defeito. Use como for melhor para você. Afinal, é para isso que servem os produtos.

Só se esqueceram que temos que levar em consideração que os projetos de placas de vídeo (e qualquer outro componente que necessite de refrigeração, principalmente ativa) são pensados para países de clima temperado no geral, onde muito raramente se ultrapassa os 30ºC no verão. Aqui no BR 30ºC em algumas regiões é praticamente o ano inteiro. Então faz sim sentido usar a ventoinha da GPU um pouco acima do padrão, principalmente se houver ganho real de refrigeração (que é o caso).

Mas ainda assim não se pode esquecer a refrigeração do gabinete como um todo. Pode ser que essa ventoinha trabalhando mais rápido pode estar desiquilibrando o resto e outros componentes podem estar trabalhando em temperaturas maiores.

Resumindo: ventoinha da GPU mais rápida é indiferente em danificar ou não a GPU em si. O máximo é danificar a ventoinha, isso em um caso raríssimo de defeito porque ventoinhas são feitas pra trabalhar por anos a fio em 100%. Mas não se pode esquecer de olhar para o gabinete como um todo. Basicamente: acelerando a ventoinha da GPU não estou desbalanceando o fluxo de ar dentro do gabinete e prejudicando outros componentes?

Pelo que eu entendi a pessoa estava falando da vida util da ventoinha mesmo, não do GPU em si. hahaha

Outro ponto que vejo de desgate das ventoinhas é a poeira que eu penso que danifica bem mais do que rodar 100% em 100% do tempo

Poeira em circuito elétrico já é problema, mas poeira em local que movimento mecânica é bem pior, nem se compara

Não tenho uma resposta mas tenho uma pergunta:

Como se faz isso?