Os 20 anos do Facebook

Opa, boa noite!
Esse problema de não mostrar a arte do podcast é do pocketcasts ou do feed do tecnocast? Tendo em vista que outros podcasts não estão com esse problema.

3 Likes

Também estou com problema na arte do Tecnocast e uso PocketCasts, no meu caso a arte até aparece mas fica piscando, ela só pisca enquanto está reproduzindo, enquanto está pausado a capa para de piscar.

Isso acontece mesmo ouvindo na velocidade 1.0

Vídeo pra mostrar como fica.

4 Likes

Obrigado pelo toque, gente, vou tentar entender o que est√° acontecendo.

3 Likes

Sobre coment√°rios que se fazia antigamente no Facebook, mas hoje o povo acha estranho, vai um exemplo:
Como a Ana é apaixonante. A risada dela é linda demais!

1 Like

O suporte do PocketCasts aponta a√ß√Ķes que j√° fizemos do nosso lado, como, por exemplo, embedar a arte do epis√≥dio no pr√≥prio mp3 (sempre fazemos isso). No caso de a√ß√Ķes que o usu√°rio pode tomar, tem a orienta√ß√£o de autorizar o uso de arte embedada nas configura√ß√Ķes do perfil. ‚ÄúUse embedded podcast artwork‚ÄĚ, dentro de ‚ÄúAppearance‚ÄĚ. Foi o que consegui achar. Bem estranho, a arte vai sempre no pr√≥prio mp3. N√£o vi recentemente reclama√ß√Ķes em rela√ß√£o a outros apps, ent√£o acho que √© algo s√≥ do PocketCasts.

6 Likes

Eu nunca gostei do Facebook. Fui muito relutante em largar o Orkut e cheguei até a dar mais atenção ao Google+ do que ao Facebook.

Acho que o Facebook só passou a ser minha rede social principal no final de 2013.

Algo que eu odiava no Facebook √© que tudo que eu curtia ou comentava aparecia no feed da minha irm√£ e da minha m√£e como ‚ÄúAndr√© curtiu isso‚ÄĚ. Muitas vezes era algo que n√£o fazia sentido pra elas, como os memes do Pai de Fam√≠lia, ent√£o elas vinham me perguntar o que era aquilo e era muito dif√≠cil explicar‚Ķ

Outra coisa que eu odiava no Facebook era como eles lidavam com conte√ļdos que infringiam os termos de uso.
Eu fui moderador de 2 páginas, quando algo da página violava os termos e era excluído, todos os moderadores eram punidos. A punição era ficar alguns dias sem poder interagir no Facebook, podia ser de 1 dia até 3 meses, eu não conseguia nem mesmo responder meus amigos no Messenger.

Tive 2 publica√ß√Ķes deletadas apenas por usar a palavra v1ad0, sendo que n√£o era nada pejorativo, uma vez eu fui punido 1 minuto ap√≥s publicar um coment√°rio com a palavra v1ad0. Ou seja, era autom√°tica a puni√ß√£o, eles poderiam simplesmente impedir de comentar algo com essa palavra ou ent√£o emitir um aviso, mas preferiam deixar a pessoa publicar e depois vinha a puni√ß√£o. E eu sou gay, em nenhum momento usei essa palavra de forma ofensiva, eu inclusive uso essa palavra com amigos.

E quando o Facebook realmente precisava ser exclu√≠do acabava levando muito tempo. Uma vez vi um v√≠deo de p3d0filia com mais de 1000 compartilhamentos, as pessoas compartilhavam dizendo ‚Äúalgu√©m fa√ßa alguma coisa‚ÄĚ, ‚Äúprecisam prender esse indiv√≠duo‚ÄĚ, ‚Äúajudem a divulgar para que ele seja encontrado‚ÄĚ.
Eu denunciei o vídeo mas ficou no ar por 14 horas.

Em 2018 s√≥ aparecia conte√ļdo de pol√≠tica no meu feed, eu s√≥ acessava pra passar raiva. Certo dia recebi mais uma vez um aviso de que algo que eu publiquei havia sido removido por n√£o se enquadrar nos termos de uso, mas dessa vez eu n√£o consegui visualizar o que eu havia publicado, eu apenas vi um aviso de que minha conta havia sido permanentemente suspensa.

Eu n√£o quis criar uma nova conta, dei adeus ao Facebook.

Xeu colocar aqui uma pérola de 15 anos atrás…

ignor√Ęncia

Criei minha conta no Facebook em 2010. Mas só em meados de 2011 (acho que em junho ou julho) passei a usar de fato. Foi quando, do nada, a galera abandonou o Orkut e o MSN e os substituiu pelo Facebook.

Hoje ainda acesso a rede, muito pelos grupos (o do Tecnoblog continua l√°, ativo). Foi o mesmo que aconteceu com o Orkut nos seus √ļltimos meses de vida. Entrava l√° pelas comunidades.

O Facebook parece abandonado pela própria Meta. Ela resolveu focar no WhatsApp e no Instagram.