O Tecnoblog Não checou a fonte?

A notícia https://tecnoblog.net/274707/correios-celulares-baterias-sedex/ , possuí uma fonte que não é muito confiável, o site ao meu ver nem entrou em contato com os CORREIOS para verificar a sua veracidade? como colaboram com uma possível fake news?

Alguém poderia dar uma posição OFICIAL ou mesmo com o setor de imprensa dos correios?

Meu, cê tá comentando uma notícia de jan/2019.

Fora que o E-Commerce Brasil é um site mantido por empresas do setor de E-Commerce do país.

4 Curtidas

de acordo com a ANAC:

5 Curtidas

“B2W”, “Cielo”, “elo”, “Jadlog”, só pra listar alguns dos mantendores.
3 Curtidas

E os CORREIOS? Algo OFICIAL?

Mas essa regra foi realmente colocada em vigor? Qual foi o impacto dessa medida? Não vi nada e ninguém reclamando disso. É no mínimo estranho, não dá pra negar.

1 Curtida

Meu caro, não importa a data, ou vc pode me dizer a regra que limita a data de comentário? o questionamento é a fonte, onde nem os correios foi procurado. OS CORREIOS!

Acredito que essa fonte é confiável sim, mas o impacto da medida parece ser tão pequeno que não causou grande repercussão.

5 Curtidas

Basta você ir no correios e tentar enviar um sedex contendo dispositivos com bateria. A mim sempre perguntam sobre o conteúdo. É possível que nem todas as agências questionem.

4 Curtidas

Concordo contigo, porém quem vende em e-commerce não consegue perguntar na agência sobre o que pode ou não pode enviar, geralmente são muitos itens por dia, seria necessária uma posição Oficial dos correios na matéria, não importando a data dela (tem gente incomodada comigo por eu ter comentado em matéria de 1 anos atrás). tem fundamento minha pergunta, e um site do tamanho do TB poderia questionar isso junto ao setor de imprensa dos correios e esclarecer melhor a matéria.

Mas o e-commerce Brasil não é confiável? Acho válido e importate para credibilidade ter uma linha dizendo “Verificado na fonte X, data e horário tal.”, erros a acontecem, e quando acontecem deve haver retratação, mas eu tenho que até o momento, é possível confiar nessas fontes. Caso contrário pararia de consumir conteúdo deles e também indicaria como fonte não confiável, mas creio que não seja o caso aqui.

Tem de ir numa agência que não esteja lotada… antes da pandemia tu o pessoal fazia tudo com tanta pressa que se tu enviasse um bloco branco de tu sabe o que, eles só embalariam e iria embora. Principalmente 5 minutos antes de fechar o horário de trabalho. hahaha

1 Curtida

Aqui em São Carlos eu sempre tenho sorte, deve ser o horário, costumo ir as 15h não pego muita fila, sempre 2 ou 3 na frente.

Clicando em “Proibições e restrições para envios nacionais”, você vê o aviso:

Não serão aceitas postagens de Pilhas e Baterias de Íon Lítio por meio dos trechos que ensejam transporte aéreo durante a prestação do serviço pelos Correios, por exemplo SEDEX nacional (alguns trechos), SEDEX 10 e SEDEX 12 nacional… Para o serviço PAC, atendido pelo modal terrestre, não há restrição.

Foi a própria empresa que, em 2019, explicou a mudança em detalhes ao E-Commerce Brasil, que se trata sim de uma fonte confiável. Como diz o texto, essa medida é uma resposta à orientação da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil).

12 Curtidas

e esse mesmo trecho diz que esse item esta suspenso até dia 02/12/2020.

h) item suspenso até 02/12/2020 (Não serão aceitas postagens de Pilhas e Baterias de Íon Lítio por meio dos trechos que ensejam transporte aéreo durante a prestação do serviço pelos Correios, por exemplo SEDEX nacional (alguns trechos), SEDEX 10 e SEDEX 12 nacional. Clique Aqui para saber as faixas de CEP em que não podem ocorrer o transporte de Pilhas e Baterias de Íon Lítio pelos serviços dos Correios. Para o serviço PAC, atendido pelo modal terrestre, não há restrição. )

1 Curtida

Este tópico foi fechado automaticamente 2 dias depois da úlima resposta. Novas respostas não são mais permitidas.