O que conta mais para você: alto refresh rate ou display HDR?

Parece que 2021 será o ano dos smartphones com refresh rate acima de 90HZ, mesmo em aparelhos de gama média.

Porém todos sabemos que trade-offs serão feitos. O que você aceitaria perder; display HDR, painel com mais brilho ou bateria, para ter um display 90/120Hz?

Acredito que as fabricantes possam colocar telas com Hz variaveis, assim como a Samsung ja colocou, acho interessante que isso seja automatico/manual, com opcao de baixar pra 60hz fixo, ou diminuir só quando o celular está em certo conteudo automaticamente, ainda sim os hrz altos não tem tanta importancia pra maioria dos usuarios (por enquanto). Com certeza essa padronização de hz altos vai abrir um grande leque a novos apps e funcionalidades pra final de 2021 e 2022 em diante… Esperamos ainda sim que isso nao seja só mais uma opção a aumentar o preço dos smarts assim como é hoje o 5g millimeter wave.

Podem sim, só que ainda será uma exclusividade de painéis OLED de alto nível.

Acredito que não tenha mais necessidade de baixar para 60 fixo. Um video em 24, 30fps, não precisa de uma tela a 60Hz. O que vai fazer a diferença é o software (+ o hardware) que controla esse refresh rate, estar bem afiado, para alternar de forma instantânea.

Uma curiosidade que tenho, é se seria possível aplicar refresh rate variável em porções da tela. A exemplo do YouTube, onde teria um vídeo na barra superior com 60fps e fazer o scroll dos comentários em 120 hz.

Talvez no futuro possa existir algo do gênero, para otimizar ao máximo. Entender o conteúdo e modular apenas aquela região com mais Hz e manter partes estáticas com refresh rate mínimo.

Vai ter usuário que nem sabe que a tela deixou de ser 60Hz, e vai reclamar que não mudou nada. Não sei até onde alardear 90/120Hz como feature, vai trazer algum benefício. E falo isso pensando em smartphones intermediários. Flagship é diferente, o público é exigente e contempla o nicho de games, onde o aparelho tem processador para desempenhar uma partida em 120Hz.

Mais uma porcaria pra deixar os celulares caros sem serem bons. Primeiro enfiaram 3,4 as vezes 5 câmeras no celular, mas todas de qualidade média a ruim, em vez de ter 1 câmera muito boa, agora vão colocar 90Hz mas sem melhorar a qualidade da tela, eu prefiro um amoled de 60 Hz de ótima qualidade do que as porcarias que vão enfiar com 90Hz pra vender como gamer.

E no final do dia tudo isso é só para manter os intermediários engasgando em 1 ano de uso e poder vender outro celular, pois se focassem em processador e ram venderiam 1 celular só a cada 3 anos, como foi o moto g1, um celular fluido por anos.

5 Curtidas

Prefiro perder a taxa de atualização mais alta, ao invés de todos esses pontos.

3 Curtidas

Meu smartphone atual tem 120hz e apesar de obviamente ver diferença eu valorizo muito mais a quantidade de bateria que ganho deixando a taxa de atualização em 60hz.

Acho bem legal ter a taxa variável, assim pode ganhar o melhor dos dois mundos, mas por enquanto bateria ainda é um dos gargalos mais fortes nas especificações então tudo que vai me dar retornos baixos em troca de uso de bateria eu prefiro desativar.

Mais pra frente com baterias mais eficientes com certeza ter uma tela 120hz é um fator interessante.

Hahah, quando esse dia chegar, vai surgir outra novidade que irá drenar a bateria.

Sinceramente, nenhum dos dois. Não consumo conteúdo pelo celular, e o pouco q consumo vem do youtube, q praticamente não tem vídeos em HDR das coisas q assisto.
HFR? Legal e tal, mas na prática eu desativaria pra poupar bateria

1 Curtida

120hz em celular para mim é besteira, não vai mudar a vida de usuário algum ter o dobro de quadros em animações de menu.

Já HDR acho interessante considerando que existem apps de stream para filmes. É uma boa pedida principalmente para quem viaja muito.

Mas também não é uma necessidade, só que faz uma boa diferença em ambientes escuros.

Para mim bateria é vital, mas também não depende só dela. Também depende da otimização dela pro sistema e isso é uma coisa que é muito difícil de se conseguir no Android.

Já deu pra entender que fui pro iPhone por causa disso né? Eu tinha um Redmi Note 4 que era muito bom no começo, daí foram lançando atualizações e começou a ter problemas de superaquecimento e gastar a bateria muito mais rápido.

Claro que se fosse pra considerar a palhaçada que a Apple introduziu no mercado de remover carregador e fones alegando ser pelo meio-ambiente, eu não compraria.

3 Curtidas

Acho que quem realmente faz diferença em ambientes escuros é uma tela oled, adoro meu samsung com tela amoled nesse quesito, ótimo de ver coisas no escuro.

Eu não tenho problemas com OLED em TVs, porque é mais fácil de variar o conteúdo. Agora em celular tenho meus receios porque o usuário é obrigado a sempre ver a tela do sistema por mais tempo do que veria em uma TV.

Mas também não posso falar por mim pois tendo a considerar isso de não arriscar um celular com esse tipo de tecnologia, fora isso concordo com você. O salto da experiência com OLED é enorme.

Eu aqui to justamente o contrário, a tela do celular vc ta sempre mexendo de um app pra outro, dando scroll e etc, tirando a barra de atalahos embaixo (q eu nem uso, acostumei com gestos) acho q tem até menos chances de burn-in pra mim do q uma TV q vou ficar horas por dia jogando quando possível

1 Curtida

Se você analisar bem, tem partes do celular que sempre estão visíveis. Como o horário, a barra de sinal e a bateria, no geral, é dessa parte que me preocupo.

No caso de jogos, a não ser que você seja do tipo que se prende em um jogo por toda uma geração (eu basicamente fui assim com Rocket League…) então provavelmente vai variar o jogo ou mesmo que você faça uma maratona em um RPG por exemplo, depois que terminar, não vai jogar ele de novo tão cedo.

Eu adquiri OLED também com a intenção de fazer uma tratamento nesse meu hábito impulsivo de me prender em um jogo por anos. Agora olho pra traz e vejo que deixei de aproveitar muita coisa.

Parte da culpa disso é pelo fato de meus contatos na PSN também não mostrarem interesse em outros jogos, complicado…

Com a nova geração decidi dar um basta e correr atrás do backlog. Já zerei FF VII Remake e estou bem encaminhado com P5 Royal e Ghost of Tsushima.

Fiquei um tempo usando a tela em 120hz no meu S20+ e não notei diferença alguma. O único efeito foi um consumo maior de bateria.
A diferença de 60hz pra 120hz no meu monitor do PC é gritante, mas no celular eu realmente não consegui distinguir um do outro.

1 Curtida

Em smartphone? Para meu uso em Smartphone, ambos são desnecessários. Mas eu prefiro ter HDR, uma vez que 90/120/240/360Hz só servem pra algo se o dispositivo estiver rodando alguma coisa acima dos 60fps. (como uso mais pra texto que jogo e video, não faria diferença)

3 Curtidas

Ah sim, são pontos preocupantes mesmo, mas mesmo assim em 4 anos com 2 celulares com tela AMOLED não tive problemas com isso.

Se eu tivesse uma OLED em 2017 quando fiquei jogando overwatch um mês seguido com ctz ela teria burn-in hj kkkkkkk. Mas dificilmente fico preso à um jogo por tem demais, o último foi AC Odyssey q joguei por quase um ano, mas não horas a fio todo dia como OW, então tbm creio q não teria problema. Já o q jogo no celular é bastante estático, se fosse pra dar burn-in o jogo ajudaria bastante, e não fez nada.

Ta aí algo q raramente me anima, jogo online, são raríssimos os casos em que realmente jogo com meus contatos, então acabo comprando jogo única e exclusivamente com base no meu gosto. SE casar de ser algo q dê pra jogar junto blz, mas é raro

Desses só não joguei P5R, os outros com ctz são excelentes jogos sem dúvidas, ansioso pela próxima parte de FF7R

Pelo que eu sei a Samsung costuma fica deslocando os ícones da barra superior alguns pixels pra cada lado para minimizar o burnin, fora que ficamos muiot menos tempo com um celular do que com uma tv, se o burnin levar 2 anos pra fica irritante, já estamos trocando de celular nesse prazo, enquanto a TV esperamos durar pelo menos uns 6 anos.

E eu uso muito para ver netflix, nesse momento não tem a barra superior, então não corro o risco de burnin

Este tópico foi fechado automaticamente 30 dias depois da úlima resposta. Novas respostas não são mais permitidas.