Nubank lança saldo compartilhado para clientes Ultravioleta

Nubank era um banco que eu indicava para pessoas que estavam começando a vids financeira. Era simples e fácil de entender.

Agora tem tanta coisa no app que eu não consigo mais achar nada. O que raios é Nucoins? Shopping? Esse troço novo?

Pelo menos esse fica só para p Ultravioleta. Dói dizer que falta pouco para ficar pior que o Itaú (esse ainda tem gerente empurrando produto e investimento ruim “Personnalité”).

3 Likes

Pra mim já ficou pior que o Itau: nele vc tem um gerente de verdade, com cartões com beneficios bem melhores e app com muito mais funcionalidade.

O Nubank podia ter feito essa feature de forma muito mais simples: adicione o CPF com quem vc quer dividir algumas despesas da conta e cartão de crédito, e dai as despesas que vc escolher seriam dividas e cobrados do cartão ou saldo de cada um, sem precisar desse “pool” de dinheiro que ficou confuso pra caramba. (O Santander tem uma funcionalidade parecida no Way).

Simplicidade mandou lembrança!

1 Like

Ou melhor ainda, eles poderiam simplesmente deixar vc desativar as opções da UI.

5 Likes

Nubank se lançou com a proposta de ser “simples”. Hoje pra você resolver qualquer problema de compras é uma burocracia gigantesca… sem contar que eles não tomam nenhuma providência junto à Anatel sobre o uso indevido do número telefônico deles por empresas golpistas.

Todos os dias eu recebo DEZENAS de ligações de golpistas se passando por Nubank. É bizarro demais.

Eu não consigo entender a razão deles não tomarem providências enérgicas junto a Anatel. Acredito que a Anatel consegue fazer o bloqueio facilmente dos números que se passam por eles.

SuperApp é o hype do momento, eu sempre odiei isso pois a espectativa é um app canivete suiço, a realidade é uma colcha de retalhos.

O app do Inter nem se fale, uso muito o Inter mas nunca usei absolutamente nada que foge do propósito de um aplicativo de banco.

1 Like

Diogo, essa modalidade que os fraudadores usam é o CalledID Spoofing. Os bancos não tem responsabilidade nenhuma.
Tais ações não tratam-se de clonagem de número telefônico do banco. O que ocorre é que o golpista aproveita-se de um serviço (Spoofing via serviços de VoIP), disponível pela tecnologia VOIP, de alterar o CallerID (número de telefone que se contrata da operadora). Com isso, escolhe e altera o número que aparecerá no destino, conhecido como Spoofing. Até onde saiba a Anatel não tem regras sobre VoIP.

1 Like

Cara que absurdo… isso é algo que deve entrar no debate o quanto antes, pois, tem muita gente caindo nesses golpes…

Q trem confuso… na teoria já tá complicado, na prática consegue ser pior.

O mais prático seria como o @prlppi sugeriu… Fazer as cobranças sempre via cartão. O dono da família faz/lança um pagamento de X reais, quando todos aprovarem debita do cartão. Aí o dono da conta poderia escolher a porcentagem de cada um e os membros das contas escolheria um limite/valor X máximo para aprovação automática.

2 Likes