Morar Sozinho, ganhando pouco,como fazer isso?

Eu sempre tive vontade de morar sozinho,mas eu ganho pouco. por volta de 1mil e pouco. Tem certas coisas que eu gostaria de ter mais liberdade pra fazer, mas meus pais pegam muito no meu pe. Ta certo, as vezes eles so querem me proteger mesmo. Mas nao e assim que a banda toca. Eu ainda queria ser muito dono do meu proprio nariz. coisa que eu nao tenho essa possibilidade. tenho um irmao que mora sozinho em SP. mas como ele nunca tinha morado sozinho ainda passa por uns perrengues da vida. Eu por exemplo,algumas coisas eu ainda nao sei fazer, como por exemplo, cozinhar, lavar roupas. o basico do basico. Eu tenho 33 anos, vou fazer 34 esse ano. e ja ta na hora de comecar a alcancar voos mais altos… alguem aqui teve essa experiencia, ou tem? eu tenho um certo descontrole com as contas ainda, mas estou tentando me controlar mais.

4 curtidas

Sendo sincero com você. Você ainda não alcançou independência financeira para morar sozinho. Afazeres domésticos a parte, é o dinheiro que vai manter sua condição de vida.

Se você quer morar sozinho, comece a valorizar sua mão-de-obra, pois todas as comodidades que você tem hoje você irá perder. Aproveite o teu conforto para começar a correr atrás da sua independência, pois ela não está ali na porta lhe esperando. Você precisa moldar o caminho até ela.

N√£o deixe o impulso tomar conta de suas decis√Ķes, n√£o √© porque voc√™ tem 34 anos que voc√™ deveria se sentir pressionado a adotar uma mudan√ßa radical e com pouco planejamento (pelo que percebi pelo tanto que voc√™ ganha).

13 curtidas

Com 1 mil e pouco realmente n√£o rola.
Qualquer barraco vai te custar, no mínimo, metade disso (falo da realidade de capitais no Sudeste).
Aí tem comida, telefone, internet, roupa, luz, água…
Cozinhar, lavar, faxina etc, vc aprende r√°pido, basta querer. Pode ajudar seus pais enquanto isso, com esses afazeres da casa.

3 curtidas

O que você poderia fazer é dividir apto com alguém, assim as contas ficariam mais aliviadas. Em relação as tarefas, é com pratica que se aprende, tem muitos tutoriais no youtube que podem ajudar.

Eu saí de casa há 5 anos pra dividir por conta da facul, comecei a morar sozinha mesmo só em 2018, foi um baita aprendizado.

5 curtidas

Vixi, acho que nessa situação será bem apertado… à menos que tu vá morar num local mais afastado do centro ou mesmo a periferia.
Por exemplo: em Curitiba, onde moro, o aluguel de uma casa de 40m² custava na faixa dos 670 reais e não incluia os impostos, IPTU, telefone, água e etc.
Se tu gastar o mínimo de água, só paga a tarifa social que se não estou errado são 80 reais. Internet 50mbps? Mais 120… Luz? Pode chegar fácil a 200 reais dependendo do que tu faz. E tu que diz que gosta de jogar e tem vários consoles, deve ficar pouco abaixo disso, acredito… ainda tem gás, transporte, alimentação, poupar um pouco pra emergências, impostos e etc.
Sem contar que dependendo tu precisaria comprar móveis e eletro domésticos.

Foi o que eu te disse naquele tópico sobre aproveitar mais os videogames (acho que foi nesse, não é 100% certeza porque não olhei)… tu tem de guardar pra emergências e não só gastar porque tem disponível.

Mas no caso, o mais ideal nesse caso seria dividir casa/apartamento com alguém de confiança ou alugar um quartinho com essas pessoas que precisam de uma grana no final do mês e acabam alugando um quarto na casa.

2 curtidas

Divide um lugar com alguém, pede ajuda dos pais pra pagar as contas ou não faz.
Como disseram, com o tanto que você ganha, dificilmente vai conseguir, a não ser que seja em uma cidade com um custo de vida muito baixo.

Bom, vamos as respostas!!

@R_F
Eu sei. Até pode ser que eu não esteja pronto para morar sozinho, tende?

@imhotep
Eu percebi mesmo. Tem muitos lugares que custam o dobro que eu poderia pagar. E eu queria ver um local que seja ¬Ī perto do meu trabalho. Mas por menos eu n√£o encontro. Mesmo em bairros pr√≥ximos onde eu moro.

@fernanda
Pois é, até pode ser isso um pouco. O problema e encontrar bons lugares por um preço bom. Tem muita pensão que eu poderia dividir um quarto.

@Keaton
Então, eu sou meio doido com isso sabe? Compulsivo!!! Sei que isso pode ser uma doença mas eu tento me controlar.

@centauro
Pois é. O problema e meus pais aceitarem as coisas, deixando de pegar no meu pé. Porque eu vou te falar uma coisa, pra eles tudo que eu faço/fiz tá errado. E eu não queria ser santo mais. Pra eles sou aquele menino que faz tudo certo. Tendeu?

Se tu quer um conselho à esse respeito… dá uma olhada em vídeos e cursos sobre finança pessoal e finança doméstica. Tu aprende pacas.
Mesmo que não seja para uso imediato na casa própria, dá para ajudar a reduzir os custos com os pais e talz.
Eu achei muita coisa que eu fazia e já cortei. Faz uma diferença enorme depois que tu começa.

1 curtida

Aproveite esse tempo na casa de seus pais para se organizar financeiramente. Entenda onde est√° indo seu dinheiro e que retorno est√° tendo.

Comece entendendo seus ciclos de gastos, dos seus pais, e tente por em prática formas de eliminar gastos desnecessários. Sim, serão necessários sacrifícios, e um bom planejamento.
Na sua situação atual, precisará de planejamento tendo em vista o médio/longo prazo.

√Č importante que tenha ci√™ncia que uma casa n√£o funciona sozinha e sem recursos. Quando sair da casa dos seus pais, tudo ser√° responsabilidade sua. Ser√° voc√™, por voc√™. Aproveite esse tempo para melhorar em √°reas que hoje voc√™ n√£o possui aptid√£o.

Com o dinheiro que economizar nesse tempo, veja op√ß√Ķes de investimento adequadas ao seu perfil, j√° pensando em resgatar quando atingir a meta. Pode n√£o ser muito, mas creio que ajudar√° a criar o h√°bito de poupar e ter responsabilidade sobre seus ganhos.

1 curtida

Tem fam√≠lias que vivem com esse valor ou at√© menos, mas eu tenho certeza que n√£o √© porque elas escolheram. Como j√° disseram a√≠, tem muitos custos envolvidos ‚ÄĒ e se voc√™ quer morar sozinho tendo R$1 mil por m√™s, provavelmente vai ter que abrir m√£o de muita coisa.

S√≥ pra alugar um im√≥vel voc√™ j√° precisa ter um certo dinheiro extra guardado. Nunca √© s√≥ o aluguel ‚ÄĒ voc√™ tem que gastar com seguro, vistoria, entre outras coisas (a menos que ache algu√©m pra negociar direto). Ainda sim, √© sempre bom ter um dinheiro guardado pra emerg√™ncias.

Se você sair de casa só contando só com esses mil reais todo mês, como vai fazer se eventualmente o aluguel ficar mais caro? Se as contas básicas aumentarem? Ou até mesmo se você perder essa renda mensal? E os móveis? Como fica se alguma coisa essencial estragar e o valor pra reparar fugir do orçamento?

Sei que no desespero dá vontade de sair correndo pra qualquer canto, mas isso pode até piorar sua situação depois. O melhor é aproveitar enquanto você tem seus pais pra te ajudarem e guardar o que puder, tentar fazer uma renda extra.

Sobre as tarefas domésticas, você aprende com o tempo.

9 curtidas

Mora em uma favela, as coisas são baratas, não paga água, luz e nem IPTU. Um kitnet pode um lugar bom de se morar, é importante que você faça cursos para se qualificar para adicionar experiência ao seu currículo profissional. Ficar coçando o saco e reclamando da vida não vai te ajudar.

Cara, pelo menos na minha cidade que é capital, 1000 não dá pra viver, dependendo do seu estilo/custo mensal de vida, estou estudando bastante pra financiar um AP e não ter que alugar, pra eu finalmente poder morar sozinho de vez, meu salario é um pouco a mais que o seu, e ainda sim não me sinto seguro de abandonar a família e me aventurar sozinho, tenho estudado bastante sobre isso, recomendo que vá com calma.

Agora se tu ainda sim quer se aventurar morando sozinho, vá sabendo que não será fácil, como tu mesmo disse, seu irmão ainda passa perrengue, não será diferente com você.

2 curtidas

cara… ter pouco dinheiro é comum, o problema é teus pais pegando no teu pé, mesmo vc tendo 34 anos… kkkkkkk… mano, reparte as contas de casa, assim tu pode dizer que tu paga tua parte. começa aprendendo a cozinhar, lavar e depender menos dos teus pais. pode ser que isso ajude.

6 curtidas

não tem jeito. O máximo que daria é pra você dividir um lugar com alguém, mas morar sozinho é massacrante, pq qualquer imprevisto que você tenha, é apenas você e daí fica extremamente delicado.

@Tantrum eu vim falar exatamente isso. Seus pais pegam no seu pé, mas também que contrapartida você tem dado? Querendo ou não, você não é mais criança e vai de você não se portar como tal também.

Acredito que s√£o duas frentes aqui.
Financeira: Caso a situação financeira de sua família seja estável e eles não queiram/precisem que você colabore mensalmente, poupe este dinheiro para usar futuramente quando tiver o seu canto, mas seja organizado e metódico de guardar mesmo!
Por exemplo, se voc√™ fosse colaborar com R$ 150,00, n√£o use uma parte s√≥ porque ‚Äúest√° sobrando‚ÄĚ. Quando voc√™ tiver que pagar as despesas mensais, n√£o vai existir isso de tirar uma parte pra fazer qualquer outra coisa. A conta √© X e voc√™ ter√° de pagar X.

A√ß√Ķes: Voc√™ j√° teve uma conversa s√©ria com seus pais sobre participar mais ativamente nos afazeres da casa? Voc√™ n√£o precisa fazer todo o trabalho, mas pode come√ßar ajudando a fazer alguma comida (e assim aprendendo o b√°sico tamb√©m), lavando uma lou√ßa, organizando algum c√īmodo, se morar em casa (n√£o apartamento) d√° pra lavar a √°rea externa‚Ķ Enfim, existem N tarefas que voc√™ pode fazer. Ou melhor, mostre interesse em fazer, isso deve partir 100% de voc√™.
‚Äú- Ah, mas se eu for fazer isso, n√£o vai dar pra jogar‚ÄĚ. Seja bem-vindo √† vida adulta e de ‚Äúdono de casa‚ÄĚ. Se voc√™ morar sozinho, vai ter dias que n√£o vai sobrar tempo de fazer isso, outros at√© ter√° tempo, mas talvez voc√™ n√£o tenha disposi√ß√£o, e t√° tudo certo.


Por fim, eu não vejo nenhum problema em morar com os pais, independentemente da idade. O problema é você ser totalmente dependente deles e não saber se virar. Quando você se sentir confiante em morar sozinho, como já disseram, vai aprender, mas porque esperar pra aprender sendo que pode começar agora?

13 curtidas

Isso é tão fácil de fazer! Moro com meus pais e sempre faço essas coisas. Comece lavando suas próprias roupas para você ir se acostumando, quando for morar sozinho.

Tu diz isso porque não conseguiu estragar umas 15 peças de roupa de uma só vez como eu fiz. hahaha

Quem nunca ¬Į\_(„ÉĄ)_/¬Į? √Č normal errar quando est√° aprendendo algo, e at√© esperado.

Eu mesmo quando comecei a lavar minhas próprias roupas, por volta dos 15 anos, já estraguei 3 calças jeans slim porque não sabia que não podia espremer para tirar o excesso de água, e elas ficaram todas esticadas parecendo um saco. Também já manchei roupas claras ao lavar junto com roupas escuras.

√Č errando que se aprende! Mas se n√£o quiser cometer erros b√°sicos, e tiver paci√™ncia e boa vontade, √© s√≥ pesquisar bastante como se faz cada coisa, internet t√° a√≠ para isso.

3 curtidas

Na quest√£o de aprender as tarefas b√°sicas, como dizeram, voc√™ pode aprender come√ßando ajudar sua fam√≠lia, n√£o sei como √© sua rela√ß√£o com eles, mas talvez pedir come√ßar aux√≠lio se voc√™ ficar com d√ļvidas.
Também você pode olhar tutoriais no Youtube, ou sites de receitas, principalmente para cozinhar paso a paso, me ajudou muito! E com eles recomendaria aprender a lidar com o dinheiro, as contas, para evitar dívidas no futuro.
E se você consegue usar um smartphone ou computador, acho consegue aprender a lavar a roupa, só ter cuidado com os tipos de roupas, Google tá ai!

Olha, eu saí de casa relativamente cedo, mas voltei quando me formei, e só consegui sair outra vez ao arrumar um emprego, porém novamente voltei para casa da minha família porque tive que sair do emprego por motivos pessoais, então para você ver que não é fácil.
Quando saí de casa só me restou a opção de dividir apartamento, já que o dinheiro que ganhava não dava para alugar só para mim, e ainda assim eu tinha que fazer milagres com o orçamento. Me facilitou muito ter uma mentalidade de poupar e economizar no que dava, e imagino que outras pessoas na minha situação teriam passado por muitos perrengues.
E a questão do dinheiro não é fácil, principalmente se você mora em uma região metrolpolitana importante, como é meu caso.
Também se dividir apartamento com alguém não ache que é um mar de rosas, no meu caso a maioria dos lugares onde morei foram bons e aprendi bastante, mas teve um lugar que foi horrível, e infelizmente isso faz parte do aprendizado…
N√£o √© f√°cil sair da casa dos pais, voc√™ perde muitas comodidades, mas n√£o meu caso compensou pelo ganho de liberdade e aprendizado, a famosa ‚Äúvida adulta‚ÄĚ com sua t√≠pica chuva de boletos pra pagar.

Eu tentaria não ficar parado, além de aprender tarefas básicas, procurar novos conhecimentos, como cursos, tem alguns gratuitos que podem ajudar.
E principalmente não se conformar! Buscar outras oportunidades de trabalho que tenham a decência de pagar um salário que pelo menos atenda o básico de verdade para que você possa sair de casa e ter sua vida adulta.

2 curtidas

Paciência e boa vontade eu tenho, o que eu não tenho é tempo. hahaha