Dataprev é colocada oficialmente em estudos para privatização

Originally published at: https://tecnoblog.net/321622/dataprev-entra-estudos-privatizacao-ppi/

Governo Bolsonaro fará estudo para avaliar como vender Dataprev ao setor privado; Correios e Telebras também serão privatizadas

Minha grande dúvida é: o governo vai vender a empresa para depois contratar os serviços dessa mesma empresa? Não faz muito sentido isso.

2 Curtidas

Tô esperando faz 1 ano. :joy:

Acho que com concorrência os custos diminuem.

Acho que de tantas coisas que poderiam ser privatizadas o dataprev não devia ser uma prioridade, se é que o devia ser, dados atualmente é uma das maiores commodity do mercado, além de que dados de governo não deviam ficar na mão de empresas privadas…

5 Curtidas

A notícia é de privatização do serviço não de abertura da concorrência pro mercado. E considerando a delicadeza das informações que o dataprev precisa lidar é difícil eles abrirem mercado. Não faz sentido mesmo, se quisessem reduzir esses custos era mais fácil exonerar todo mundo e terceiriza a mão de obra, mas não vender a empresa.

1 Curtida

Não dar para demitir,no máximo PDV. Hoje por exemplo muitos dados do INSS já é passado ilegalmente,tem varias reportagens mostrando isso.

Essa venda da Serpro e da Dataprev ainda vai causar dores de cabeças para o governo (isso se já não estiver causando), tem muita informação sensível ali.
Poderiam se focar em melhorar a empresa, reduzir ou zerar os vazamentos, mas só sabem falar em vender, vender, vender… mostrando que o atual governo e a maioria dos ministros são péssimos em gerenciar qualquer coisa.

3 Curtidas

“redução” de custos.

Geralmente eu sou a favor de privatizar. Se não é algo de serviço básico que precisa de regulação (saúde, educação, alimentação, moradia), deixa o mercado regular.

Mas aqui eu vejo dois possíveis problemas (e queria saber de vocês o que vocês acham):

  1. A empresa está sendo privatizada, mas não existe ninguém pra concorrer com ela. Ou seja, o governo vai precisar contratar uma empresa que, a partir do momento que for privada, vai visar apenas o lucro.
  2. Sendo essa empresa algo que deveria ter como foco principal o caráter social, o que vai garantir que os lucros dessa empresa sejam utilizados pra projetos socials? O próprio BNDES vai ter esse controle? Quem vai? Porque se ninguém vai, e se esse dinheiro não vai entrar de volta aos cofres do BNDES, é como se eles estivessem desfazendo a fonte de renda de projetos sociais, o que é pode ser um problema enorme.

O que vcs acham?

2 Curtidas

Vão vender pra depois contratar o mesmo serviço, só que bem mais caro e com prestação precária. Isso já aconteceu no passado.

Este tópico foi fechado automaticamente 30 dias depois da úlima resposta. Novas respostas não são mais permitidas.