Como seria se o Windows fosse open source?

E se o Windows fosse código aberto? Para mim, talvez ele seria um “linux” da vida que tem várias distribuições, mas no caso do Windows, além de qualquer um ajudar no desenvolvimento e reportar bugs e ir concertar, seria fácil ter Windows 10 que rode muito bem em celeron de 2GB de RAM e outras coisas, acho que seria uma festa grande hein?

O que vocês acham?

1 curtida

o que muda é que seria confiável, os governos fariam auditoria para ver o que MS tanto coleta de dados.

1 curtida

Não tem nada impedindo de fazerem agora, a Microsoft tem um programa que permite alguns governos, empresas e instituições de ensino a terem acesso ao source https://www.microsoft.com/en-us/sharedsource/

Não é por que é closed-source que o código fica num cofre no porão da mansão do Bill Gates…

5 curtidas

isso eu não sabia

e mesmo com isso, governos continuam reclamando da coleta de dados da MS, na Alemanha isso é mais forte, ao ponto de serem banidos em alguns setores

Acho que a Microsoft deixou de ser uma empresa que se foca no Windows faz algum tempo. Se eu fosse chutar, diria que algo entre 2/3 e 4/5 do faturamento dela é SaaS e Big Data…

O que mudaria é que a Microsoft perderia muito poder de big data e etc… pro usuário normal, nada mudaria. Só que os patchs provavelmente estariam descentralizados e toda vez que surgisse um bug, ao inves de falar com a Microsoft… tu teria de torcer pra alguém resolver. O que não muda nada.

Quando à Windows 10 rodando em Celeron com 2GB de RAM, se tiver SSD, até dá pra fazer… meu pai usa um Athlon 64 X2 5200+ (umas 5 vezes mais lento que um Celeron atual) com 4GB de RAM e Windows 10… não é super rápido, mas dá para fazer o básico. Existem alguns scripts para desligar serviços inúteis e talz… mas não usei isso no pc dele.

Ps.: OpenSource não é uma maravilha, o Linus que gosta de tiltar…

Bethoven ou Mozart? :V

Linux é leve, mas não faz milagre. Certamente haveria versões mais leves do SO, mas devido a sua natureza atual, ele ainda seria mais pesado e exigiria mais recursos para rodar bem.

Sinceramente, não vejo tanta diferença para o usuário final. O Windows hoje é até que bem aberto, se você compará-lo ao MacOS, por exemplo.

O sistema já conta também com um amplo suporte de drivers e correções de segurança, o que permite a ele funcionar em basicamente qualquer PC.

Talvez com o código aberto teríamos mais tablets com SO, já que a Microsoft não parece estar se dedicando muito no setor mobile e chips ARM.

De resto, não vejo o SO crescendo para uso em servidores ou alguma outra coisa muito fora da curva do que já citei acima.