Como a Microsoft está ajudando a linguagem Python a ficar mais rápida

Os xiitas do Linux/Open Source ficam se mordendo com uma notícia dessa hahaha. Microsoft nos últimos anos vem surpreendendo em vários aspectos:

  1. Os caras ficaram no topo do Github em empresas que mais contribuem com open source.
  2. Depois comprou o Github e os xiitas ficaram tristes, vários artigos, fuga em massa para o Gitlab, a Microsoft foi lá e melhorou o serviço, liberou repo privados para todos.
  3. Nos games os caras simplesmente democratizaram o acesso, nem de console você precisa mais para jogar os jogos dos caras.
  4. VSCode provavelmente é a IDE mais utilizada no mundo.
8 curtidas

As Big Techs têm muito dos melhores engenheiros de software do mundo. Seria um desperdício não aproveitar todo esse know-how por causa de purismo ideológico.

Só se a pessoa for muito inocente para acreditar que hoje a comunidade open source se mantém somente de hobistas como antigamente.

Eu olhei com preconceito a compra do github, mas é por conta do passado obscuro da Microsoft, hoje acredito verdadeiramente que ela abraçou o software livre como solução para parte dos seus projetos.

3 curtidas

Uma grande burrada minha foi não ter me dedicado a Python lá por 2004, qd trabalhava com geoprocessamento.
Foi na época em que estava assumindo um cargo gerencial e saindo da área técnica.
Não que faça diferença pra mim hoje, mas eu sou um eterno nerd e amante de tudo o que é técnico, apesar de não poder me dedicar a isso mais hoje em dia.

Poh, mas Python é molezinha. Dependendo do que tu estejas fazendo hoje, mesmo que sejam atividades executivas/gerenciais, as chances de ele te ajudar com análise de dados e coisas afins são grandes.

tu sabe que tem umas observações ai nos aspectos né, não é toda essa mil maravilhas de bondade da MS

Discorra sobre.

Já trabalho indiretamente com isso e uso Python.
Estava dizendo que poderia ter mais experiência se tivesse investido nisso naquela época.

que as contribuições da MS não são direcionados ao mundo open source, mas a projetos que ela tem, tendo como base com a própria Google que também não é a mil maravilhas, mas o Project Zero do Google é mais independente, contribui de forma geral, para todos os sistemas e não somente para a Google.

A questão da democratização dos jogos estão mais para evolução de PCs e Cloud e do fim da era dos consoles do que propriamente com os atos da MS, do mesmo jeito, essa mesma democratização feita pela MS esta também para anti democratização devido: a compra Activision Blizzard; por ela ter fazer acordos para o Azure com os outros desenvolvedores de jogos e principal concorrente a Sony; por ela praticar dumping com a Sony com Xbox cloud

sobre o github e VS são mais para ganhar dinheiro, concentrar o mercado de desenvolvimento e coleta de dados, isso tem concorrência e opções e é diferente, então não tira o mérito da MS

Discordo, ainda acho que projetos como VSCODE são muito mais significativos para sociedade do que a criação de uma equipe para achar falhas em software. Mas essa é a minha opinião.

Discordo novamente, o ato do “fim dos consoles” vem da própria Microsoft, vc não precisa comprar o console dela para jogar os jogos. E mesmo que você tenha o console comparado com a Sony a Microsoft é ULTRA pró-consumidor.

A Sony usa táticas sujas desde o PS1, inventou a “exclusividade”.

Sobre a compra da Activision Blizzard vai dar oportunidade para as pessoas jogarem os jogos por um preço merreca e na plataforma de sua escolha. A única empresa dos games contrária a essa compra é justamente a Sony, a empresa mais anti-cliente no mundo dos jogos. Se a Sony comprasse a Activision ela iria meter exclusividade em tudo, não iria ter xCloud, o jogo iria custar 400 reais e sem retrocompatibilidade com consoles antigos.

Github é uma empresa, ela foi feita para ganhar dinheiro, como toda empresa.

PS: Sou desenvolvedor que utilizava Linux no dia a dia e acabou cedendo para o WSL, agora não preciso manter dual boot mais para jogar no Windows.

entendo seu ponto

só que a Sony ser o demônio com o cliente não significa que a MS é santa.

Da Sony recusar em aceitar, neste ponto especifico ela está certa. A MS está comprando o maior player de distribuição/studio do mercado e queria disponibilizar por somente três anos os jogos na PS, que depois da reclamação da Sony, a MS voltou atrás e falou que não ia fazer

A Sony não tem caixa para fazer dumping que a MS está fazendo, é questão de tempo da MS aumentar de preço do xCloud

1 curtida

O interesse da MS? Ganhar com serviços. Tornando o Python mais rápido o torna mais atrativo pra aplicações em que ele é amplamente usado e de quebra poder oferecer serviços melhores baseados em Python no Azure. Data Science, por exemplo, é algo que consome recursos horrores. Tem empresa que não tem a mínima condição de ter servidores capazes de rodar aplicações do tipo em tempo hábil.

Aquela MS de antigamente já não existe mais. Não que eles não tenham interesse em ganhar dinheiro. Mas agora eles ganham de outras formas.

2 curtidas