Chrome deve limitar ainda mais o adblock em 2024

1 Like

Adoro como as empresas que alcançam o topo começam a se esforçar para cair de lá depois de alcançar

3 Likes

Se a Mozilla não voltar atrás (nunca se sabe), o Firefox vai subir ainda mais.

5 Likes

O tal do “don’t be evil” ficou para trás mesmo hein :sweat_smile:

5 Likes

Já voltei pro Firefox

1 Like

Sou usuário do Firefox de longa data e não é por isso que vou soltar esse pensamento: Mas seria engraçado se boa parte dos usuários migrassem de navegador, o que a Google diria e faria :thinking:

Boa parte dos usuários estão se lixando para isso, nem sabem. Mas se me lembro bem esse Manifest V3 vai alterar muitas outras coisas, e na época que foi apresentado vários desenvolvedores de browser reclamaram, por isso que ela atrasou (acho).

1 Like

Obrigado Google, olá Brave :wave:

Brave usa o mesmo motor do Chrome, então ele vai ter os mesmos limites.
A não ser que os desenvolvedores do Brave façam um fork do motor, o navegador vai ter as mesmas limitações do Chrome.

2 Likes

Eles vão continuar suportando o manifest v2 ou vão suportar o manifest v3 sem os limites do Google, assim como a mozilla.

Acho que é uma decisão válida, o Google controla o Chrome e faz o que quiser com ele. Outras, como Brave, Vivaldi e Opera, usam o adblock nativo como marketing para conseguir mais usuários, então certamente vão continuar as coisas como estão. Edge não sei pra qual lado vai, provavelmente para o do Google, já que a Microsoft também tem a sua própria divisão de publicidade (que a própria netflix tem parceria).

Posso te dizer que essa medida do Google não é para atingir quem usa Adblock conscientemente e sim para quem usa e nem sabe. Às vezes o cara que formatou o PC colocou um navegador com Adblock para o cliente. Ou o filho daquele idoso colocou lá, etc

Quem usa o Adblock conscientemente, vai migrar de navegador. Já a outra parte, com baixo conhecimento computacional e que nem saber o que é isso, vai continuar usando o Chrome e passando a ver anúncios.

Mas acho que até para usuários do Chrome, isso não é o fim do mundo. Grande parte dos anúncios podem ser bloqueados usando um DNS que bloqueie os anúncios, como Adguard DNS, Control D e NextDNS.

2 Likes

Utilizo o Edge mais por comodidade, se a MS bloquear os adblocks vou mudar de navegador

2 Likes

Esse é o ponto Maioria dos usuários do Chrome são comuns e mal sabem desligar um computador, quem dirá o q é um ManifestV3 kkk. Quem realmente se importa vai migrar de navegador ou achar um jeito de burlar isso por contra própria.

1 Like

Não necessariamente. O brave é baseado no Chromium que é de código aberto, logo pode ser modificado por qualquer dev com conhecimento necessário. A questão é se valerá seguir o Chrome ou aplicar patches para manter o Manifest V2

É nestas horas que gostaria de conseguir usar o firefox como padrão, mas infelizmente a maior parte dos sites que acesso quebram no firefox (aparentemente foram feitos pensando apenas no motor chromium) e não consigo resolver.

E o edge? Apesar de ser baseado no chromium (se nao me engano)

Alguém sabe se o manifest v3 pode ser modificado (limites)? É opensource, pelo que lembro… o que impediria de Brave/etc tirarem o limite?

Provavelmente o custo de manter um fork e o custo de convencer os desenvolvedores de extensão a manter mais de uma versão de suas extensões.

3 Likes

Acho que o Brave poderia se reunir com certos outros e forkar… quanto à manter duas versões, o uBlockOrigin provavelmente faria de bom grado. hahaha

O desenvolvedores do Brave nada puderam fazer quando removeram a opção nativa do Chromium de bloquear autoplay de áudio e vídeo.
Disseram que dariam um jeitinho e nada fizeram. Mesmo sendo “open source”.
No fim, todos os navegadores baseados no Chromium, como Google Chrome, Edge, Vivaldi, Opera e Brave sofreram do mesmo mal.

Quando começar a incomodar acho que uma hora ou outra vão acabar mudando pela força da dor. Esperemos pra ver.

Chrome tá se esforçando pra perder usuários. O que é muito curioso, dado o trabalho que a equipe de desenvolvimento de features do navegador tem.

A cada seis meses o chrome tem novas features voltadas principalmente para os desenvolvedores de aplicações/sites (nem sei mais como se chama, site me parece soar meio cafona hoje em dia), vide o foco tremendo que dão ao devtools e ferramentas de debug etc. É um ciclo de desenvolvimento f*da, pago pau mesmo, tenho saudade nenhuma de IE6-IE10, de verificar todas as compatibilidades, de position:inline fazer uma coisa em um navegador e outra coisa em outro e o caramba. Sofrer com XHR ou ser feliz com a api fetch? F*ck yeah progressive enhancement

Pra mim fica claro que ao priorizar desenvolvedores nessas features a ideia é fazer os devs trabalharem com chrome e avançar a adoção de tecnologias e apis de browser novas para se influencie o público geral a consumir o chrome. Afinal ele é a suposta avant-garde onde tudo funciona porque foi feito primeiramente para ele. Mas os desenvolvedores são os primeiros a usar adblock. Com isso, apesar das ferramentas de desenvolvimento, é muito mais simples os dev abandorem o chrome e usar outro navegador.

(f*da que o devtools do firefox é uma lata de lixo flamejante, que parada mais horrorosa de trabalhar)