Bill Gates quer propostas para captura de dióxido de carbono da atmosfera

Tem uma tecnologia ótima. Parece que se chama… árvore, algo assim.

Kkkkkkkkkkk tecnologia antiga e barata

Esses caras deveria caçar alguma área que não tem nada e transformar em floresta

@Manug @ivanilton
Por mais interessante que árvores sejam pra capturar CO2 da atmosfera, é um erro achar que elas são a opção mais eficiente ou a melhor opção para todos os casos.
É difícil calcular quanto CO2 uma árvore consegue retirar da atmosfera, mas uma estimativa é de que, num período de 20 anos, ela retire uma média de 10Kg/ano da atmosfera (usando uma média de 1000 árvores/hectare, com cada hectare de floresta absorvendo 10 toneladas de CO2, embora os dados mostrem que esse valor pode varias entre 4.5 e 40,7 toneladas/ano*)

Como estamos falando de uma planta, talvez seja possível manipular genéticamente algumas árvores pra aumentar a eficiência média, mas isso não é necessariamente uma certeza.

Agora tecnologia você tem diversos caminhos que podem ser seguidos. Pode ser que uma tecnologia se mostre passível de aprimoramento pra aumentar a capacidade de absorção, elevando a eficiência em termos de quantidade capturada por área ocupada.
Por exemplo, no caso da Orca. Diz a matéria que a planta industrial dela consegue capturar 4.000 toneladas por ano. Isso seria equivalente ao que uma área de 99 hectares de árvores plantadas conseguiria capturar em 1 ano. 99 hectares é o equivaleente a 990.000 m² (1 hectare equivale a uma área de 100mx100m). Meu senso de tamano é ruim e eu não encontrei dados concretos, mas pela foto da planta industrial da Orca (supondo que a foto que mostra no site do The Verge seja de fato a planta completa) eu acho que ela tem menos do que 990.000 m².
Outro ponto a ser levado em consideração é que usando uma tecnologia de captura artificial, você pode pesquisar outros usos para o CO2 capturado. Um exemplo é a Carbon Engineering, uma empresa de captura de carbono que diz converter o CO2 capturado em combustível. O combustível seria carbono neutro porque o carbono liberado pela queima desse combustível veio originalmente da atmosfera já. Dá pra argumentar contra esse tipo de uso, mas o ponto é mostrar que o CO2 capturado pode ter um potencial uso futuro, coisa que pode não ser tão simples de se fazer com o carbono capturado pelas árvores.

Não que florestas não tenham seu valor e não seja importante preservar e expandir áreas florestais no planeta. Mas depender só disso me parece um erro.

*Claro que esse valor é uma média e varia de acordo com N fatores diferentes, como tipo de árvore, ambiente, etc, etc, etc. Fonte: How Much CO2 Does A Tree Absorb? - One Tree Planted

4 curtidas

Isso só será possível quando os cientistas descobrirem exatamente como funciona a fotossíntese.

1 curtida

entendo.

porém, tem levar em consideração outros fatores das árvores, não somente a questão do carbono, uma árvore ou floresta tem muito valor muito maior do que simplesmente capturar co2, que por isso ela faz, e também torna um gigantesco armazém.

por cima, já penso em três fatores primordiais:

o primeiro é a questão da água que vai se tornar problema crônico no mundo, sendo que já é alguns lugares, planta árvore em uma região inóspita, você está plantando água.

segundo é a questão da temperatura, árvores controla melhor temperatura no ambiente, isso já é conhecimentos de todos, cidades quentes que passa arborizar a temperatura cai significativamente, isso é aplicado em qualquer lugar, inclusive no deserto. Mudanças climáticas estão acontecendo, e a tendência é a temperatura subir, no sul do país esta batendo nas casas do 40 graus, quando chegar no 50 e 60 vai dar um trabalho gigantesco consertar, se talvez conseguimos consertar, e para piorar, nós não estamos preparados para isso, principalmente, nós brasileiros que tem um país em fartura de alimentos (mesmo mal distribuído, com perdas, falta de logística, eficiência e problemas socioeconômicos) quando começa a ter escassez vai ser um tragédia sem fim

terceiro é a questão de flora que poderá ser para proteção e evitar extinção, controle de pragas, auxiliar na agricultura, inclusive as mecanizadas com polinização.

deve ter bem mais, que for da área, deve saber bem mais.

falo de pegar uma região que não tem valor econômico e tentar recuperar, dinheiro não é problema, e voluntario também não deverá ser problema

1 curtida

Sim, florestas geram diversos benefícios além da captura de carbono.

Mas tem a questão do tempo pra todos esse benefícios poderem ser colhidos. Gasta alguns bons anos pra uma floresta crescer. Já uma planta industrial talvez gaste menos tempo para ser contruído e ser posta a 100% da capacidade*.
Além disso, nosso conhecimento sobre dinâmica de florestas também é um tanto limitado até onde eu saiba, então eu não sei quão bom o ser humano é em criar uma floresta propriamente dita (sabemos plantar árvores, mas tem a questão da diversidade, interação entre espécies diferentes, tanto de plantas quanto de animais, adaptação ao clima e ao solo e provavelmente muitos outros fatores).

Fora que nem todos os países possuem áreas propícias em tamanho o suficiente para florestas. Áreas desérticas ou países minúsculos, por exemplo, acabam sofrendo desse mal e se beneficiariam um bocado de meios artificais de captura de carbono.

O ponto é que tecnologia de captura de carbono direto da atmosfera pode ter seus usos e benefícios diferentes dos usos e benefícios de uma floresta.

*Dá pra argumentar sobre tempo para captura/quantidade de captura de várias maneiras e fazer isso em relação a novas tecnologias de captura, hoje, vai ser baseado no mais puro suco de achismo. Uma visão otimista seria que o tempo entre pesquisa, desenvolvimento, maturação e construção de plantas industriais de captura divido pela quantidade de carbono capturado por ano nos próximos 20 anos será maior do que a quantidade de carbono capturado pela área equivalente de árvores. Uma visão pessimista diria o contrário.

2 curtidas

Existem florestas verticais em edifícios, aliás são ótimas pra áreas urbanas. Reduzem a poluição sonora, agregam para a estética, melhoram a regulagem térmica do edifício, proporciona área verde para plantio de alimentos e de forma inerente fazem seu papel na coleta de carbono da atmosfera, mesmo que em quantidades pequenas se comparado as algas marinhas.

O único problema é que não é uma prática incentivada e muito pouco explorada, logo carente de mão de obra qualificada.

O importante é começar, os poréns de tipo de árvore e outros deixa com os cientista e universidades.

Já os países, vão querer, vão ganhar nome e credibilidade, tem um tempo aí que vi a Arábia Saudita estava se juntando com um agricultor suíço que mora na Bahia de tentar criar uma floresta no deserto da Arábia Saudita, que se for bem sucedido, pode espalhar no oriente médio.
E toda os países do mundo têm algum tipo problema nisso

O tempo no contexto que você falou é verdade, e tanto a floresta como a futura tecnologia de captura de carbono vai demorar do mesmo jeito.

Bom se conseguir trabalhar em várias frentes

@Douglas_Knevitz fala eu concordo, mesmo sendo pequeno, porém, se juntar milhões neste mesmo sentido, já vai ser um valor muito significativo,

Sou bem descrente quanto a tecnologias de captura de carbono da atmosfera, para que isso tenha impacto na terra, precisaríamos de grandes estruturas espalhadas por cidades e países, algo que torna difícil de se implementar.

A vantagem dessas estruturas permanentes seria torná-las multi função, coletar carbono, equalizar a temperatura e outras coisas mais.

Sermos capazes de controlar nossa atmosfera e replica-lá? é um requisito básico para sairmos da terra, até que consigamos fazer isso, será impossível nos considerarmos uma civilização avançada.

Enquanto não soubermos fazer isso, precisamos usar as ferramentas que temos. A ideia dos edifícios e casas integradas à natureza é a alternativa mais viável, tanto economicamente quanto em espaço. Precisamos de terra pra construir e inevitavelmente acabamos desmatando, uma forma de equilibrar isso é levar o verde para perto de nós.

Engenharia planetária ainda vai demorar, e quando for feito tem que ser quem nem o projeto de fusão nuclear da Europa. Tem que juntar inúmeros países e comunidades.
E essa cooperação precisamos evoluir socialmente muito, e nos últimos anos estamos na direção contrária com a divisão e politização, as vezes você conversa com as pessoas e parece o Twitter

Mas esse é exatamente o intuito de toda essa guerra política, destruir narrativas e criar novas, até que pareça que só existe uma única verdade e todas as outras precisem ser silenciadas, quando isso acontecer, estaremos à beira de uma única política e nossa liberdade obliterada. Enquanto houver o contraditório, haverá espaço para a liberdade.

concordo contigo.

agora essa história de narrativa e quando ouço de político, vejo que lá vem alguma ladainha fuleira somente para enganar