Windows 10 migra mais um recurso do Painel de Controle

Originally published at: https://tecnoblog.net/375429/windows-10-migra-mais-um-recurso-do-painel-de-controle/

Seguindo transição do Painel de Controle para as configurações, Windows 10 atualizou opção de mudar taxa de atualização do monitor

Que saudade do Windows 7…

Talvez em 2032 a Microsoft termine de migrar tudo

KKK… A MS devia fazer um mutirão para tornar a sua interface mais consistente. Uns recursos nem tão complexos são migrados a conta gotas. E os ícones então… uma mistureba de décadas de versões. Talvez isso seja o sexy appeal do sistema…

3 Curtidas

Eu não sinto falta do sistema em si, mas da consistência visual e de usabilidade. Windows 10 tá aí há mais de 5 anos e até hoje é essa coisa feia, confusa, inconsistente, cheia de retalhos.

1 Curtida

Melhor sistema operacional do mundo, quem reclama é pq ta ultrapassado no HD ainda kk. Se é o seu caso, use Linux, a única dor de cabeça que vai ter é falta de jogos e alguns programas se vc for usuário avançado.

Painel de controle >>>>>>>>>>>> configuração do windows. Além de inútil é meramente ilustrativo, as configurações do windows não disponibiliza a variedade de atalhos e a facilidade de achar o que estava procurando como o painel de controle oferece. Tenta aí desabilitar um canal de som sem abrir o painel de controle ou configurar o seu sistema surround pela configurações do windows, não dá! Porque não funciona.

2 Curtidas

Nem de longe, windows é uma merda. Ele é útil e de fácil entendimento para alguns mas se você precisa de um sistema estável com certeza o windows não presta. Muitas das principais ferramentas do sistema são falhas e de um péssimo funcionamento ( windows defender, update entre outros).

Que saudades do Windows 7…²
É extremamente ridículo não poder usar um sistema que você prefere por sua configuração ser mais nova. Isso faz sentido em sistemas antigos como Windows 98, 2000. Mas do Windows 7 para o 10? Só rindo mesmo.

Eu estou bastante preocupado.
Ainda estou no Windows 8.1, e pretendo levá-lo até 2023 (isto se o meu notebook durar até lá), e ainda assim tenho dúvidas de que até lá o Windows 10 estará mais interessante.