Você ainda usa desktop?

Desde que comecei a trabalhar com programação, há alguns anos atrás, meu computador principal é um notebook. Na época o note era mais simples e o computador de mesa ainda oferecia mais potência pra usar alguns programas pesados e jogar de vez em quando.

Hoje tenho laptop bem mais poderoso que não demanda mais o desktop pra tarefas mais pesadas, e um desktop mediano que uso pra jogar as vezes.

Estou pensando em vender o desktop pra complementar na compra de um console da nova geração, pendendo para o Xbox por conta do Game Passe e eu jogar casualmente.

Pelo fato de pouco usar o PC de mesa ultimamente não será uma tarefa difícil me desfazer dele. E vocês, ainda usam o desktop pra algum fim que não seja uma tarefa bem específica ou jogar?

7 Curtidas

Uso só note desde 2007.
Pra trabalhos mais pesados a empresa tem desktops, mas eu quase não uso.

Hoje em dia na verdade fico uns 80% do tempo só com o smartphone.

4 Curtidas

Aqui é justamente o contrário… estou saindo de notebook (vou deixar só para coisas leves) e indo para desktop.

Smartphone eu uso apenas para brincar.

6 Curtidas

@mr.luizandre, usava sim desktop! Foi-se num defeito e tive que recorrer ao smartphone – LG K4 LTE; trava na utilização básica e a memória quase cheia – não baixo apps em desmasia!!

1 Curtida

Só uso o computador para tudo. Não tenho e não gosto de celular (acho muito complicado) só acesso o celular (que na verdade é da minha mãe) quando é algo que não tem como acessar pelo computador. Sempre quis ter um Notebook, mas não tenho coragem de desfazer do PC, além disso outras pessoas o usam ocasionalmente (minha mãe também usa).

4 Curtidas

Eu ainda uso para jogar de vez em quando, para internet, estudo, fazer algum script python/php quando dá na telha e etc. Ainda mais que eu PRECISO de monitor de 21" por causa da vista (sou alto miope… -22.5 em ambos olhos). Se for para usar notebook como desktop, com um monitor/teclado/mouse externos, qual a vantagem de ter notebook?

Outro problema é que notebook não funciona para mim:

  • não consigo fazer manutenção (atrocidei meu Acer, se bem que o Acer E15 já é uma atrocidade plástica mesmo).
  • não posso montar montar meu próprio (deixe quieto montar da maneira que quiser)
  • não posso trocar o cooler do processador por um mais silencioso.
  • se a temperatura do notebook estiver alta, o máximo que dá para fazer, enquanto na garantia, é usar um daqueles apoios com fans… o que acaba com a ergonomia.
  • Nem preciso comentar sobre upgrades, né? (Note é só RAM e HD/SSD, isso quando não é tudo soldado)

Sou um daqueles que gosta de desmontar, arrumar, e talz. Tanto que meu FX-6300 quase não tem poeira e ainda consigo jogar alguma coisa recente ou outra nele à 60fps fullHD low… (não tudo, MHW roda à 720p low 45fps)

8 Curtidas

Pra trabalho, é desktop. 6 USB pra ligar meus equipamentos, 2 monitores, teclado e mouse indispensáveis.

4 Curtidas

Sim, muito mais rápido em multitarefas do que um celular, e mais desempenho e conforto do que um notebook. Tenho um notebook, mas uso basicamente para estudar, já que estudo em outra cidade e fica mais fácil dessa maneira.

Mas para usar um notebook em casa com conforto é preciso ter uma mesa, monitor, teclado e mouse, dessa maneira prefiro logo ter um desktop. Além que meu irmão começou a trabalhar nele, então precisamos de algumas conexões para armazenamento, no momento tenho 5 portas SATA ocupadas. Meu notebook um Asus X510, se rodar qualquer aplicação mais pesada começa a torrar, e não consigo usar tranquilo em temperaturas tão altas.

4 Curtidas

Eu uso meu notebook como um desktop basicamente, ele fica parado o tempo todo na mesa com monitor, mouse e outros periféricos conectados o tempo todo. A vantagem é que quando preciso sair para algo, é só desplugar uma coisinha que já estou resolvido. Meu setup tb considera usar o teclado do notebook e a tela dele como monitor secundário, então já ajuda bem sem ter que gastar mais e ocupar espaço com essas coisas.

7 Curtidas

Utilizo da forma que forma que você pretende utilizar já há alguns anos, tenho um PC desktop que utilizo para trabalhar programando e também jogar, já houve necessidade de melhorar as configurações do qual é mais simples. Tenho também um notebook, mas esse utilizo para eventualidades, como testes ou realizar uma apresentação por exemplo. É bem versátil na minha opinião, realmente vai depender dos jogos que você pretende jogar, pois há alguns que são exclusivos, mas o GamePass possui a maioria dos jogos, além de outras lojas como a Epic e Steam. Com relação a programação, não fica nada a desejar, você pode fazer um dual boot, ter vários HD’s e ambientes de teste, vai conforme sua necessidade, como eu disse é bem versátil.

2 Curtidas

Gosto de jogar no PC. Então, no ano passado resolvi pegar um daqueles notebooks da Avell com o objetivo de jogar, estudar, e também ocupar menos espaço na mesa. Um ano depois, já enfiei na mesa um teclado e um monitor de 24" (não consegui aguentar aquela telinha de 15"), no fim acabou ficando a mesma bagunça de quando eu tinha o desktop.

A placa de vídeo que veio nele é uma GTX 1650, que apesar de ser uma placa básica, já me permite jogar qualquer coisa atual nem que seja no mínimo. Porém, sinto que não vai demorar muito para que ela se torne obsoleta.

Meu objetivo principal era otimizar o espaço físico da minha mesa (nunca gostei de deixar o PC no chão), mas nisso o notebook não me ajudou. Na próxima vez vou de desktop, que tem a possibilidade de upgrades e todas as outras vantagens que já citaram.

Já passei por isso também. Aliás, com esse mesmo famigerado modelo. Esse é um dos motivos que me faz pensar que essa troca de desktop para notebook não foi uma boa ideia.

3 Curtidas

Já fui de desktop pra notebook e notebook pra desktop varias vezes, acabo alternando em função da velhice de um deles, hoje meu notebook não me atende mais, então peguei uma placa mãe com processador baratinho de segunda mão, catei mais umas peças aqui e to voltando pro desktop, talvez ano que vem eu tenha a oportunidade de comprar um bom notebook e volte a usar notebook, mas mesmo quando uso notebook acabo tendo uma segunda tela ligada nele.

2 Curtidas

Eu utilizo apenas laptop faz mais de seis anos, tanto para uso doméstico e corporativo. Em todos os empregos que tive até agora foram fornecidos laptops.

Até o momento laptops me agradam e não pretendo ter um desktop voluntariamente nunca mais.

2 Curtidas

Uso desktop pra tudo. Todos os arquivos de trabalho estão no Drive e, se viajo, acesso no notebook (um Dell XPS 13 beeem antiguinho). Um adendo importante: qualquer desktop i3 ou i5 antigo, com SSD e 8 gb de ram você roda tudo o que precisar com rapidez. Com um notebook da mesma idade, não.

4 Curtidas

Meu Acer Aspire E15 (i5-5200U e 1x4GB DDR3L SINGLE CHANNEL omfg) era lerdo^5. Quando eu enfiei um SSD de 120GB nele, o bichinho ficou usavel de novo. Talvez não para tudo, mas para internet, edição de texto e VNC até servia. Pena que eu detonei ele quando fui substituir o teclado. (botão power precisa ser substituido)

3 Curtidas

Ainda uso em casa um note com 8 anos.
Pra absolutamente tudo o que eu preciso para o meu trabalho.
Está longe, óbvio, do que se tem hoje, mas não me deixa na mão.
Isso é muito relativo.

2 Curtidas

Sai do notebook para o desktop ano passado, para o meu uso não foi uma escolha feliz, pois acabo usando menos o PC para não ficar isolado na casa.

3 Curtidas

Fiquei 3 anos usando um notebook praticamente como um desktop (trabalho há 5 em home office). Tinha saído de um desktop e comprei o portátil por causa do preço (estava praticamente a mesma coisa que desktop com característica semelhante).
Há 1 ano atrás, vendi o notebook e comprei um desktop (mudei de arquitetura Intel > AMD) e com toda certeza, o valor investido no desktop seria o gasto para um notebook com 1/3 da potência ou menos. Ainda mais hoje com a pandemia, quem não precisa de portabilidade e busca apenas desempenho, não tem como, desktop está sendo a melhor escolha.

2 Curtidas

Eu vou pelo mesmo caminho, dei um upgrade no meu Notebook (coloquei SSD) pra aguentar esse resto de ano, mas assim que o dólar der uma trégua, pretendo montar um desktop e vou ficar com o Notebook de reserva só pra quando precisar de mobilidade (algo que raramente acontece no meu caso).

Em deslocamentos mais breves meu Tab S6 da conta.

1 Curtida

Uso notebook, mas penso em voltar ao desktop pela liberdade de personalização que dá.
E também acaba sendo mais econômico.

3 Curtidas