Venda de PCs cai 12,6% no Brasil e preços aumentam

Originally published at: https://tecnoblog.net/360540/venda-de-pcs-cai-126-no-brasil-e-precos-aumentam/

Desktops ficaram 67,8% mais caros com a alta do dólar, segundo pesquisa da IDC

Ah se tivessem aumentado só por causa do dólar, tem peças que dobraram ou até mesmo triplicaram de preço. Lojista brasileiro é oportunista demais, estão aproveitando que tem trouxa desespersdo para pagar preços absurdos, já que sabem que brasileiro é incapaz de fazer boicote. E se forem ver o preço das peças usadas no OLX é rir para não chorar de raiva, se pedem valores exorbitantes, é porque tem tonto que paga.

Esse ano já era para montar um PC ou fazer upgrade, o jeito é esperar até ano que vem ou comprar peças da China. Prefiro importar componentes e não ter que garantia do que dar meu dinheiro pra empresário brasileiro malandro, máximo que compraria aqui é fonte e gabinete.

4 Curtidas

Caro, está tudo muito caro.
Estamos com alta demanda por isso os preços sobem.
Devemos parar de comprar por algum tempo, até que os preços voltem ao normal.
Assim a demanda diminui e consequentemente os preços também.
#NaoCompremAgora
#VamosBaixarADemanda
#DiaSemCompras

1 Curtida

Não adianta, brasileiro é mimado demais e não sabe boicotar ou esperar preço baixar, o povo passa fome mas não deixa de comprar. O pior que como esses consumidores são maioria, eles acabam inflacionando os preços para todos, boicote só funciona se for generalizado.

2 Curtidas

Se fosse simples assim era bom. Além do dólar, tem a questão da falta de estoque das importadoras devido ao coronga.

A questão principal e que não se discute é que o Brasil é o único país do G10 a não ter indústria de tecnologia própria ou seja semicondutores e sem eles seremos apenas compradores. Um país de 200 milhões de habitantes não produz nem memórias ou seja o correto seria parar de reclamar se preços e exigir investimentos em indústria própria, fato que até o Camboja está fazendo.

1 Curtida

E tem outro porém. Quem fabrica aqui precisa incluir um número X de peças brasileiras. Muitas marcas optam por não incluir e precisam pagar uma taxa por não usar peças brasileiras.

Não sei se ainda hoje é assim.

O grande problema é que não tem incentivo fiscal para virem para cá. Não adianta fazer um acordo de oferecer terreno, ou abatimento em impostos, se toda a cadeia produtiva continua exposta a esse ambiente improdutivo. Uma vez que trouxe uma fábrica para cá, precisa contratar pessoas.

E o Brasil é um dos países que mais tem ações trabalhistas em curso. O que desanima investimentos.

Fora isso tem toda a questão de falta de infraestrutura generalizada.

Se não tivéssemos esses problemas, seríamos uma excelente opção para atrair dezenas de empresas que estão saindo da China e diversificando sua cadeia produtiva.

1 Curtida

Os preços estão um absurdo. tava de olho no Ryzen 5 1600 AF, que em fevereiro custava R$540, agora tá R$940. Tá tudo extremamente caro, ia fazer upgrade do PC esse ano, mas pelo jeito não vai rolar.

Até o mercado de usados está cara, pessoal se aproveita demais.
Ano passado comprei um controle de Xbox One, com frete e nota fiscal a 279 reais. Hoje vocÊ não encontra um, sem frete, por menos de 500 reais, fica entre 510 e 600. E nos usados? Não acha por menos de 350 reais sem o frete. Imagina se eu vendesse meu controle, um rendimento quase 30% ao ano, baita investimento.
Sem contar meu notebook gamer de entrada, comprei em março por 3400, hoje não encontra por menos de 4700.

O Brasil e um dis países que mais tem incentivo fiscal, mas não condiciona incentivo fiscal com desenvolvimento, vide o caso da linha branca que está há mais de dez anos com incentivos sem exigência de corte de preços e pesquisa ou seja não temos tecnologia própria para produzirmos cafeteria elétrica própria. Quanto a ações trabalhistas em Um país na qual a média salarial é de 1,5 salário mínimo não representa nada para a indústria. O empresário brasileiro quer o estado para empréstimos baratos, incentivos e subsídios lá anão quer investir, não quer competir
Quanto a peça ser local é o mínimo! Como acham que a Coreia em cinquenta anos dominou a tecnologia? Simples investindo pesadamente na indústria local e com exigência de retorno

1 Curtida

O Ryzen 5 1600AF ficou alguns dias por 629, que é preço até justo considerando que ele já está quase 150 dólares lá fora.

1 Curtida

É verdade, mas tem uma boa dose de oportunismo também, até mesmo produtos de fabricação nacional subiram absurdamente de preço, como alimentos.

Sobre preços ridículos de peças usadas, o que seriam dos espertos se não fossem os bobos:

Concordo com você. Inclusive tem loja fazendo isso. Por exemplo.

Tem loja que tem estoque antigo, comprado com dólar antigo e vendendo como se tivesse comprado com dólar novo. Não tem besta, só tem esperto.

Eu já estou cansado disso aqui. Sinceramente!

1 Curtida

Falou indústria nacional vai aparecer um ANCAP xingando já já…

Exato. Enquanto tiver gente pagando esses absurdos os caras tão dando risada da nossa cara

Está tudo absurdamente caro, desisti de trocar de notebook esse ano e comprei um SSD pra dar uma sobrevida ao meu Note.

Quanto a questão do boicote, não é tão simples como muitos fazem parecer, minha esposa tem uma loja de venda online e precisou comprar 3 notebooks para os atendentes, pesquisei muito, mas no fim não tinha para onde correr, ou compra ou deixa de trabalhar.

2 Curtidas

Este tópico foi automaticamente fechado após 92 dias. Novas respostas não são mais permitidas.