Ubuntu ganhará instalador mais moderno depois de 10 anos sem mudanças

Originally published at: https://tecnoblog.net/420203/ubuntu-linux-ganhara-instalador-subiquity-mais-modern-funcional/

Instalador Ubiquity da distribuição Ubuntu Linux vai ser substituído por versão mais moderna e funcional

Daí eu falo que você sai do Windows mas o Windows não sai de você e os wannabe de Linux acham ruim.

“Ah, o Linux é código aberto, é gratuito, é mimimi…” mas é aí que tá o negócio: você decidir o que quer da sua instalação, não alguns desenvolvedores. Se é pra ficar em assistente, sair do Windows pra que? “Ah, mas no instalador do eu posso personalizar isso e aquilo”. Engraçado, na do Windows também.

E sim, uso Windows em 90% do tempo. Nos 10% restantes, alterno entre Debian (distro competente de fato) e Gentoo, que é onde você realmente imerge no mundo Linux e entende de fato o que você é capaz de fazer com software livre. Fora essas, OpenSUSE Leap também é bastante competente.

De resto: fork, fork do fork, fork do fork do fork.

Mas o que isso tem de relevante pra noticia? só estão dando uma mudança visual no instalador de 10 anos atrás.
Quem quer usar ubuntu ou qualquer outra distro/sistema que seja feliz oras.

10 curtidas

Linux simplesmente não tem uso pra mim, na minha área de atuação, pela falta de softwares. Os que existem são muito inferiores às versões comerciais.

Uso aqui o Arch como hobby (tenho uma instalação de 2013, funcional até hoje). Usava o Mint como máquina da secretária e tenho a Raspbian num NAS caseiro.

Mas é isso. Adoro o sistema e ele deve servir pra muita gente (estou falando de desktop e não funções como servidor e afins). Mas o Windows, apesar dos pesares, está muito bom, pelo menos desde o XP SP2.

2 curtidas

Você esta confundindo GNU Linux com Distribuição Linux.
GNU Linux é simplesmente um Kernel que pode ser baixado em https://www.kernel.org/ com o qual você consegue criar um sistema operacional para o seu dispositivo.
Distribuição Linux é um sistema operacional já pronto baseado no Kernel Linux, o qual você pode escolher qual lhe agrada/atende.

2 curtidas

What is Linux?
Just like Windows, iOS, and Mac OS, Linux is an operating system. In fact, one of the most popular platforms on the planet, Android, is powered by the Linux operating system.

2 curtidas

tendi nada

As únicas certezas na vida são a morte, os impostos e o trovalds falando bobagem sobre Linux nos comentários do Tecnoblog.

Ih, o povo ficou ofendido porque eu falei mal do Ubuntu.

Vou levar a sério o Ubuntu o dia em que eles pararem de fazer fork do unstable do Debian e ficarem fazendo lançamento de versão a cada 6 meses só “porque sim”. Instalação limpa no dia ZERO do lançamento da versão já vem um monte de update. Upgrade de versão se você não quebrar a instalação anterior sem chance de recuperar é um milagre. Mas a “seita” acha ofensivo você criticar essa porcaria.

“Ah, existe o kernel e existe a distribuição…” sério mesmo? Quantos kernel você já configurou usando make menuconfig na sua vida? Quer dizer, você sabe o que o comando aí faz (sem pesquisar)? Povo aqui nem faz ideia de como fazer um esquema de partição seguro separando a /home e muito menos como configurar o FSTAB. O instalador faz tudo, resolve tudo, desenrola tudo. Claro, se a máquina não tiver nenhum hardware exótico que o instalador não detecte.

Se for pra bancar o Linux User Wannabe, fica no Windows pirata mesmo. Larry the Cow mandou lembranças do mundo onde só homens são capazes de chegar.

Pelo visto você também não entende do assunto e está escrevendo asneiras né? Sabe o que é pelo menos um servidor de exibição no linux? A é… qualquer um sabe de algo com o google hoje em dia.

1 curtida

“Ah, mas no instalador do eu posso personalizar isso e aquilo”. Engraçado, na do Windows também”, gostaria de saber onde, já que no instalador do windows o que pode fazer é só escolher o idioma, o teclado, aceitar os termos de licença e formatar o hd pra instalar o SO. Explique esse seu comentário que citei nas aspas, fiquei curioso.

1 curtida

Mas… Eu nunca disse que entendo alguma coisa de servidores de exibição. ¯\_(ツ)_/¯

Fui olhar no meu histórico e a única menção que fiz sobre isso foi quando eu disse ter ficado surpreso que o Kali no WSL para exibir interface gráfica usava VNC, e não X11.

Soa como um troll…

Você sabe de quem estou falando, nesta página. kkkkk

1 curtida

Na real, no instalador do Ubuntu você também basicamente só escolhe o idioma, o teclado, gerencia o disco antes de instalar (se quiser) e escolhe o fuso. ¯\(ツ)
Mentira, você também escolhe como quer que a atualização dos softwares seja feita e se quer instalar drivers de terceiros.

Se quiser mudar outra coisa eu acho que tem que compilar sua própria ISO.

Pra mim o instalador pouco importa, uma vez que é tolerável e o verei somente uma vez a cada instalação, mas há outras coisas realmente importantes que nunca mudam e não sei pq:

  • Teclado “us int. with dead key” é uma porcaria e não funciona bem em todos os apps. Deveria copiar o do Windows que realmente funciona e de forma inteligente.
  • Opção nativa para ocultar a barra top, sem causar problemaa no uso de múltiplos monitores, um em cima e outro em baixo.
  • correção de erros grotescos no gnome, que causa bloqueio total do sistema.
  • opção de temas diversificados (os nativos são feios e aspeto velho).
1 curtida

Gostei do novo visual

Isso varia da distribuição linux, o ubuntu sempre teve essa mentalidade enterprise para o instalador deles só com informações básicas já que é focado em usuários iniciantes, mais tem distros que usam instaladores como o calamares que podem escolher quais pacotes usam, kernel, sistema de inicialização e etc, então como eu disse, varia da distribuição que aliás o instalador do ubuntu tem ainda mais funções que o do windows.

1 curtida

Este tópico foi automaticamente fechado após 92 dias. Novas respostas não são mais permitidas.