Sem Exynos: Galaxy S23 pode ter chip Snapdragon em todos os países

3 curtidas

Eu pelo menos não acho o desempenho bruto a maior desvantagem, e sim da Samsung não conseguir um consumo de bateria equivalente entre as duas versões. A com Exynos sempre consome um percentual relevante a mais…

16 curtidas

Eles vão ter que se virar pra conseguir melhorar o deles!

2 curtidas

Em algum momento iriam jogar a toalha. Melhor assim. Agora isso vale pra todos ou apenas as variantes topo de linha?

1 curtida

Podiam aproveitar e arrumar uma forma de otimizar esse consumo de bateria, que tá bem ruim.

2 curtidas

Isso pode até parecer uma boa notícia, mas depois de assistir um vídeo do canal PhoneBuff, passei a entender os possíveis motivos pelos quais Samsung ainda insistir tanto nos Exynos.

Ele cita o fato da Samsung ser uma companhia de hardware, e por isso trabalha no desenvolvimento de chips próprios, além de ser bastante lucrativo com isso. Outro motivo seria a possibilidade de obter acordos melhores com a própria Qualcomm, em comparação com outras fabricantes. E também serve como um plano B caso algo dê errado com a produção dos Snapdragon, como já tivemos com o modelo 810.

O vídeo é esse (em inglês):

4 curtidas

Queria mesmo é que a Samsung desenvolvesse melhor os chips Exynos e não simplesmente desistisse deles, eles são os que chegam mais proximos da Qualcomm, já sabemos o que acontece quando só sobra um concorrente no mercado.

9 curtidas

“Testes de benchmark”… ok, né? :sweat_smile:

Samsung poderia ter sido mais transparente na divulgação de preços, demonstrando o quanto um high end fica menos caro com Exynos.

Da minha parte, estou com um Note 10/Exynos (menor) há mais de dois anos e ainda não senti a “idade pesar”.

Para o meu uso, não sinto falta de bateria e nas gravações de vídeos, sinto que fica quentinho no bolso… até que não é ruim porque só assim meu bolso fica aquecido :rofl: :rofl: :rofl: :rofl:

6 curtidas

Dizer que é melhor assim é pedir para se lascar, sem concorrência, a Qualcomm senta e rola, meu querido. Decide o quanto quer cobrar, decide se vai dar suporte ou não para novas atualizações, faz no ritmo dela, ou seja, dita o mercado.

Tem que gostar de sofrer para achar que sem concorrente é melhor.

Deveriam estar todos preocupados na Samsung cogitar desistir de ter seu próprio chip (Algo que não acredito que vá acontecer).

3 curtidas

O problema é que não é só no preço de agora que interfere, são em várias questões, principalmente na de longo prazo.

Imagina se tivéssemos só a Telefonica/Vivo como operadora? Acha que o mercado de telefonia seria muito melhor?

Ou só a Dell a produzir computadores…

Só a Intel a produzir processadores para desktops…

Só a Nvidia a produzir placas de vídeo…

2 curtidas

Torço para que seja realidade e que desistam de vez dessa porcaria de processador

1 curtida

Vai agradar nada, que viagem… se o g1 nao agradou :joy:

Fãs da Samsung pedindo pra abandonar o Exynos?
São fãs de pouca fé, do contrário estariam apoiando sua amada no desenvolvimento de melhores SoCs para seus cobiçados gadgets hehehehe hihihihi

1 curtida

Uma pena. Tem dinheiro o suficiente pra pagar bons engenheiros pra desenvolver seu próprio chip.

2 curtidas

Se isso de fato se concretizar, fico um pouco preocupado com o futuro dos processadores próprios da marca, já que pode indicar uma menor atenção da empresa para o setor, o que pode se tornar um cancelamento do projeto.

Se chegar a tal ponto, um mercado que já não tem quase concorrência nenhuma, vai ficar ainda mais limitado, afetando principalmente os dispositivos Android, já que a Apple corre por fora.

5 curtidas

Até que enfim a Samsung reconheceu que seus chips são realmente horríveis em eficiência e desempenho se comparado aos Snapdragons. A verdade é que o único concorrente real hoje dos Snapdragon são os Mediatek que estão simplesmente dando aula em desempenho/consumo de energia sendo melhores que os Snapdragons nesse ultimo quesito (consumo de energia).

1 curtida

E tendo em vista ainda que os Snapdragon não são essa Brastemp toda. Essas ultimas gerações vem sendo bastante criticadas, não chegam nem perto da eficiência dos Chip da maçã.

Na verdade, sendo bem polêmico aqui, mas é dificil dizer que um chip que tem sua construção toda dentro de um ecossistema fechado é mais eficiente que um chip que é construído para atender N sistemas.

Não sabemos dizer com exatidão até onde é mérito do M1/M2 e até onde é otimização de um sistema construído unicamente para ele.

Não estou dizendo que a série M não foi um puta golaço da Apple, pois foi. O que estou dizendo, é que acho complicado dizer que o Snapdragon é inferior, considerando que o desempenho dele rivaliza, mesmo com sistemas que são construídos sem ter ele como foco.

Se tivéssemos testes do M1/2 no Android, junto com o Snap, ai acho que seria uma comparação justa.

6 curtidas

Não acho isso positivo, até pq os chips da Samsung não são tão ruins assim. Pelo contrário, muitos consumidores sequer reclamam da maioria das coisas que dizem por aí…

3 curtidas

tenta falar isso para os fãs das marcas, até hoje não falta gente que fala que ios é melhor que android, apple melhor que o google, iphone melhor do que o galaxy, sendo que são desenvolvidos de forma diferente e isso não é avaliado

o que você falou lá em cima, também falado por @GustavoGuerra @felipous, eu concordo, para o futuro consumidor do S23 é bom ter o melhor chip, mas o mercado em geral é uma péssima noticia a qualcomm voltar a dominar, para começar a qualcomm é uma empresa picareta dos infernos, usa muito do seu poder de patentes e licenças para cobrar e impedir os fabricantes e ela voltando a liderança, volta tudo de novo antes dela ser penalizada. A nossa sorte é que a MediaTek desenvolveu se bem neste período e o mercado de celular entrou em saturação tanto em hardware como em software, então não exige tanta evolução como antes, já tem um bom tempo que o mercado somente está aperfeiçoando o que já tem e desenvolvendo algumas funções via software

3 curtidas