PS5 quase triplica de preço no mercado cinza do Brasil

Poucas unidades. As placas de 10 mil reais tb esgotaram em segundos.

1 Curtida

Mercado cinza pode até salvar, mas só depois que o hype inicial passar e a oferta estiver normalizada, só pro segundo semestre de 2021 ou então em 2022. Enquanto tiver em falta, vai acontecer isso aí.

Eu diria q é mais um fator de escassez do q de alta demanda mesmo, ainda mais q o BR não é exatamente a prioridade do mundo num caso desses

Acredito que do meio de 2021 pra frente vão aparecer os consoles com preço mais em conta no ML. 60% de imposto é um roubo absurdo.
Nunca comprei a primeira versão de nenhum console e até hoje não me arrependi. Sempre aparece algum tipo de problema.

1 Curtida

E o mercado cinza paga 60% de imposto aonde?

O mercado cinza justamente é o que não paga os 60% de imposto. Por isso eles conseguem vender mais barato.
O mais provável é que este anúncio do artigo seja alguém que tenha comprado com preço normal aqui no Brasil pra aproveitar o hype revender.

Depois que tudo se normalizar você pode ter certeza que esse pessoal que traz os produtos do paraguay vai conseguir vender por um preço muito mais em conta no ML, pois esta será a única forma de competir com as lojas que oferecem NF.

3 Curtidas

Playstation eu não sei, mas o Xbox ta em falta no mundo inteiro. Outro dia na Amazon ficou disponível (sexta 20/11) e eu fui todo inocente pra comprar com maior calma. Não durou 5 minutos.

Cara, calma. Respira. Tá tudo bem?

1 Curtida

Eu moro no Japão, aqui o PS5 sai por R$2.673,26.
Em ¥52.000 realmente é um absurdo os preços no Brasil.

PS5 tbm não vejo em canto nenhum, ao menos no BR, toda vez q vejo alguma página postar q tem uma loja q voltou o estoque é clicar no link e já está esgotado

Mercado negro é vc comprar ilegalmente, roubo, furto etc. Por tabela, o mercado “branco” seria comprar legalmente, por meios oficiais com NF e pagando os devidos impostos. Logo, se não é roubado, mas tbm não paga imposto e não tem NF, pq alguém comprou legalmente no paraguai ou outro país qualquer e está revendendo aqui, é mercado cinza

3 Curtidas

Pessoal falando que mercdo cinza isso, imposto aquilo e etc deve ter matado aulinhas de matemática na 3a~4a série… Olha o valor atual do dolar e pensa nos outros custos que demanda por um treco de 500USD numa prateleira! Nem que alguém passe com um caminhão socado de aparelhos pela fronteira burlando a alfandega vai conseguir comercializar o produto por um valor abaixo do veíliculado oficialmente sem apenas trocar figurinhas. Nossa moeda ta no buraco e o país já na borda do poço do outro lado do mundo de tão fundo…
Quer eletrônicos mais baratos? Para de endeusar prédios, deixa os chineses das Pajés da vida passarem sufoco com as pronta entregas de 9k deles juntando poeira na prateleira e vão ajudar a economia a se movimentar direito sem ficar dependendo da esmola “emergencial” do governo!!!

4 Curtidas

Você tá ligado que 500 doletas é o preço de varejo lá nos EUA, né? Os varejistas não devem pagar 2/3 desse valor aí pra Sony Brasil. Além do imposto, que todo mundo já sabe, tem mais o lucro Brasil ainda pra quebrar o consumidor.

Só reforçando que esse mercado cinza da matéria é o malandro que comprou da varejista em pré-venda e tá revendendo.

É exatamente o argumento dele

O lojista oficial não paga 500 USD, por isso vende aqui por quase 5000 reais, já a grande maioria do mercado cinza vai comprar no varejo dos EUA ou outro país pra revender aqui, e com o dólar como está não rola competir com isso.

Exatamente assim que faziam com o console da Nintendo vendiam o preço que queriam, até a Nintendo voltar para o Brasil e simplesmente já de cara botar quase 1000 reais a menos do que o mercado cinza isso com todos impostos inclusivos

3 Curtidas

Nunca na minha vida pagarei 5k em um vídeo game imagine 12k, estou muito feliz com meu Xbox one.

Isso é legal no Brasil e nos outros países?

Você ta confundindo quem é o pessoal que ta com dinheiro para comprar isso, definitivamente não é quem ta sendo afetado pela crise, ou seja, o pessoal de classe média para baixo. (Excluindo quem já tinha juntado uma grana para comprar o bagulho quando lançasse.)

Até onde eu saiba não existe lei que impede uma pessoa revenda um produto pelo preço que ela bem entender.

Tem lá o artigo 39 do CDC que eu mencionei em outro comentário meu, mas até onde eu saiba o CDC não vale para transações entre PFs (sim, estou supondo que no mercado cinza o predomínio seja de vendendores PF ou informais, que também não vão se submeter ao CDC).

Edit:
Acabei de ver essa imagem.


Picaretagem rola solta não só no Brasil.

1 Curtida

Tem que ter coragem para comprar no mercado cinza e com estes valores.

Pago mais caro, demora um tempo mais, mas pago produto daqui de empresa confiável. Até pq um PS5 dura uns cinco anos fácil, vale o investimento e a espera.