Porta na cara de quem desativa histórico do YouTube

Agora depois do almoço me deparei com o seguinte problema, que talvez parte da audiência aqui não enfrente:
Eu deixo minha conta Gogle com todos os históricos desativados (localização, pesquisa e vídeos do YouTube). Desde sempre funcionou tudo normalmente, mas agora que fui acessar a home do YT logado na conta, me deparei com esse aviso:


Antes de dar o diagnóstico de “adblock interferindo”, isso não se limita ao browser. No app oficial acontece o mesmo:

Minhas configurações da conta sobre histórico estão assim:

E não, não vou escutar ninguém que fale “então ative o histórico”. Isso é uma decisão minha e quero que ela seja respeitada, mas agir dessa forma eu enxergo como coação por parte da Google pra que abramos mão totalmente da pouca privacidade que temos e continuemos dando corda pra eles.

Eu até já sabia que eles iam mexer nas políticas sobre os adblockers, mas obrigar o usuário a ativar o histórico de vídeos ao meu ver é totalmente arbitrário. A Google praticamente está dizendo “hey, abra mão da privacidade pra gente continuar te servindo, senão não vai mais usar a plataforma”, da mesma forma que entopem de propagandas a plataforma só pra dar uma solução pra um problema que eles mesmos criaram, vendendo as malditas assinaturas.

Alguém mais está passando por isso?

ë estranho mesmo não mostrar para vc ao menos o Em Alta ou carregar o youtube da mesma forma que apareceria para alguém não logado.

Muito estranho mesmo. Eu até notei que o Em Alta não aparecia mais, mas eu nem entrava nele. Mas essa mudança agora é bem radical…

Eu até estava achando que era um bug, mas realmente lançaram uma atualização para isso:

Assim como o @LekyChan, penso que o comportamento para quem tem configurações de privacidade assim seria de um “Youtube deslogado”, onde tudo seria exibido sem influencia dos interesses da sua conta.

Entretanto, lendo a notícia parece que a idéia do Google para esta função é voltada ao público do minimalismo, eliminando a poluição visual das milhares de thumbnails que eram exibidas nas páginas principais do YouTube.

Mas que bando de… Eu já nem considerei que isso fosse um bug, pois como independe de onde for feito o acesso, a mensagem é a mesma, então é atualização que impôs isso. Também concordo que deveria agir como se fosse um YT deslogado ou “anônimo”, mas essa atitude deles é agressiva pra caramba.

Eu já estava achando que era alguma lei europeia nova, mas pelo jeito é o google pensando no “bem” de seus usuários.

Bem vindo ao capitalismo, você e seus dados são o produto e se não colaborar com a empresa ela te boicota também.

Até que demorou para tomarem uma atitude assim, essa que é a verdade.

1 curtida

É amigo, acredito que ela esteja realizando algum teste (não li a matéria do TechCrunch que o amigo Gustavo compartilhou), mas se o lance é privacidade o melhor a se fazer é acessar deslogado. Faço assim e ainda utilizo a função de apagar histórico e cookies ao fechar o navegador.

Fazendo isso, se for teste ou não, eles podem ver que essa decisão não agradou.

PS.: Minha conta google só uso por causa do telefone celular.

1 curtida

A empresa não está errada em fazer isso. O cara quer usar a plataforma de uma empresa que não pertence a ele sem dar nenhum lucro pra ela? Até onde sei, a Google não é uma ONG.

Qual é o dono de restaurante que quer um “cliente” que consome e vai embora sem pagar?

Quer consumir sem pagar de alguma forma? crie sua própria plataforma de vídeo!

2 curtidas

2 curtidas

Do jeito que você fala parece que usuário deslogado não dá lucro nenhum pra empresa.
Propaganda aparece pra você quer esteja logado ou não.

2 curtidas

A Google praticamente está dizendo “hey, abra mão da privacidade pra gente continuar te servindo, senão não vai mais usar a plataforma”

Foi isso que ele escreveu. Fica claro que ele não quer contribuir com a empresa.

Tadinha do google sem ad personalizado de uma pessoa, vai falir

Vou roubar um pacote de arroz do supermercado. já que é um pacote apenas não vai falir o estabelecimento

Não é só para quem “não quer contribuir com a empresa.” Quem tem YouTube Premium também foi afetado.

Já tem um tempinho que falaram que iam fazer isso, pensei que ia demorar mais, mas forma rápido. Gostei.

@LekyChan o que está em Alta virou um tópico. A página principal anterior virou uma página de busca

@_leo mesmo deslogado, o Google consegue rastrea, nisso eles são muitos bons, assim, eles conseguem respeitar mais a privacidade

Mas com certeza…

Os caras estão sendo bastante ignorantes, viu… Tipo, não interessa se tu tá me pagando ou não, eu vou continuar te bisbilhotando e ponto final.

Dei uma afastada uns dias aqui, não estou recebendo mais as notificações de respostas no meu e-mail sobre o Tecnoblog (e nem vou checar, preguiça mesmo…).

Mas assim, voltando ao assunto, a premissa deles, pelo que entendi, é que eles vão sugerir o conteúdo com base no seu histórico de vídeos. Só que vejo isso como um problema, por que assim, vou tomar como base eu mesmo: eu consumo conteúdos como humor (shitpost e uns vídeos de zoeira, mas de poucos canais), programação (como todo developer, é o mínimo), alguns canais policiais, filosóficos (como o Cortella e o professor Pedro Calabrez) e principalmente conteúdo automotivo. Na home do YouTube até então estava me dando sugestões até que interessantes, algumas delas fugindo um pouco do que tenho inscrito.

Só que essa abordagem vai acabar me deixando trancado numa bolha que só vai passar a sugerir conteúdos com base no histórico, o que meio que me deixa trancado na minha bolha, e isso é péssimo, pois me impede de explorar outros segmentos que poderiam ser interessantes pra mim.

Então não é só um lance de privacidade (coisa que deve ser um gatilho nos escritórios da Google, certeza!), mas a própria plataforma te trancando numa bolha que você pode não conseguir mais sair.

Só quem tem o direito de reclamar é quem paga. Você parece o criminoso que reclama da polícia. Kkkkk

Eu tenho o Historico Desativado e na TV aparece ainda as sujestoes!!!

Este tópico foi fechado automaticamente 90 dias depois da última resposta. Novas respostas não são mais permitidas.