Por que não há tantos celulares intermediários com NFC?

Toda hora que eu vejo os atuais intermediários, me pergunto o que acontece por não terem mais tantos celulares na faixa dos 800 reais com a função. Por que isso acontece? Logo agora que mais cartões são aceitos no Google e Samsung Pay…

Redução de custos, ao menos esse è o discurso dessas empresas. E tbm um pouco de perfil de usuário. Alguns desses mesmos aparelhos, lá fora, contém cm essa feature.

1 Curtida

Acredito que seja questão de custos mesmo, não é algo essencial num celular intermediário e, como disse o Douglas, pode ter havido algum estudo de que quem compra celular nessa faixa de preços não liga ou não usaria esse recurso.

1 Curtida

A lógica do mercado é simples: quer um recurso considerado Premium? Pague por ele.
Quando o recurso deixar de ser Premium e virar commoditie, aí vai vir até nos básicos. E então surgirá um novo recurso Premium, presente apenas nos aparelhos mais caros. E assim segue.

Já teve um tempo que tinha. Lembro que existiam Galaxy J5 com NFC, por exemplo, mas hoje a ganância das empresas aumentou e elas acabam capando os aparelhos onde dá pra esconder.

É bem comum ver celulares intermediários (ou tops de linha tbm, vide Xiaomi!) sendo vendido em 2020 capado em coisas básicas, como o não suporte ao LTE-A (4G+ ou 4.5G), falta do VoWiFi, VoLTE, abertura da lente menor, sensor de digitais óptico ao invés de ultrassônico etc.

Um usuário leigo só irá perceber a ausência quando precisar do recurso, mas dessa forma a empresa já lucrou com a vida do aparelho. Definitivamente acho que a Apple é a única empresa que de fato preocupa com o pós-venda e a experiência do usuário com o telefone.

2 Curtidas

Os ultimos foram a linha J da samsung.

É tipo os aparelhos de entrada que não tem nem giroscópio, apenas para reduzir custos.

Este tópico foi fechado automaticamente 14 dias depois da úlima resposta. Novas respostas não são mais permitidas.