Nintendo Switch & Lite, qual seu nível de satisfação?

Tem um certo tempo que ando de olho no Nintendo Switch, mas tenho uma série de dúvidas, tanto pelo console, valores de jogos/joystick e seus problemas/manutenção, caso você seja um usuário de Nintendo Switch será bastante proveitoso tirar algumas dúvidas, vamos lá elencar:

  1. O que motivou fazer a compra?

  2. Qual a frequência do seu uso por dia/semana?

  3. Armazenamento é um problema?

  4. Você teve a sorte de dar “drift” no Joy-Con? Se sim, o que foi feito, trocou?

  5. A bateria drena rápido?

  6. Na sua opinião, valeria apena comprar apenas focando na biblioteca de Mario?

  7. A experiência de jogar na TV é melhor?

Suas respostas vão ajudar bastante e dar um norte pra quem tá em busca, obrigado!

2 Curtidas

Eu comprei o Switch por causa da portabilidade, nunca usei no modo dock.
Eu jogo normalmente umas 3h por dia durante a sexta e o final de semana, mas ultimamente devido aos preços absurdos dos jogos, ele está encostado.
Tenho um cartão de 128GB e nunca me preocupei com armazenamento.
Tive sim a infelicidade de ter o drift esquerdo e mandei para autorizada, consertaram e coincidentemente recebi eles essa semana!
O suporte foi gratuito realizado pela Deal4B Soluções em Tecnologia, só precisei enviar os Joy-Cons com problema pelos Correios.
A bateria é ok, como o meu é um das primeiras peças, não tem o upgrade dos modelos mais novos.

1 Curtida

Vamos lá, eu comprei o Switch em agosto de 2017, vou te falar um pouco da minha experiência pessoal.

  • O que motivou fazer a compra?
    Eu não tinha um videogame da Nintendo desde o Super Nintendo, porém como a minha infância foi basicamente Nintendo, eu sou apaixonado por Mario e Pokémon. Jogava em emuladores e quando vi o anúncio do Switch me interessei demais. Na época eu viajava bastante e quase nunca ficava na frente da TV em casa, gostava de ter a liberdade de jogar onde quisesse. Até cheguei a pegar o 3DS para os jogos do Pokémon, mas algo 100% portátil e com gráficos bem limitados, não me fazia querer jogar outros jogos. Peguei o Switch pela portabilidade e pelos exclusivos.
  • Qual a frequência do seu uso por dia/semana?
    Tenho um PS4 (tinha um XONE na época que peguei o Switch) e ele é meu console principal. Quase sempre prefiro pegar o jogo no Switch, pela portabilidade. Uso ele cerca de 4-5 vezes por semana agora que estou mais ocupado, ou pelo menos 1x por dia normalmente (Animal Crossing, hahaha).
  • Armazenamento é um problema?
    Sim! Eu precisei de um cartão de 128GB, tive a sorte de um conhecido estar nos EUA e trazer para mim. Porém os jogos da Nintendo são bem otimizados, Mario Odyssey ocupa apenas 6GB do armazenamento. Pra jogos third, é complicado.
  • Você teve a sorte de dar “drift” no Joy-Con? Se sim, o que foi feito, trocou?
    Sim, não fiz nada. Todos dizem que acontece uma hora ou outra e comigo não foi diferente. Não troquei nem fiz reparo por preguiça mesmo, eu jogo mais no Pro Controller. Acabo jogando de fds com a minha namorada e ela, as vezes, tem problema de o controle puxar para o lado sozinho, porém não vou investir R$400 em outro Pro Controller agora.
  • A bateria drena rápido?
    Não tão rápido, mas não dura tanto também. Acredito que cerca de 2.5/3 horas com um uso moderado em um jogo mais pesado. É razoável, ao meu ver.
  • Na sua opinião, valeria apena comprar apenas focando na biblioteca de Mario?
    Muito! Todos os jogos exclusivos são incríveis. Mario Odyssey, Mario Maker, DK, ano que vem tem o 3D. Além de Pokémon, Animal Crossing, Luigi’s Mansion (estou achando bem divertido, nunca tinha jogado nenhum da série). Vale muito a pena. Ainda mais que é um console que quase não cai de preço (tanto os jogos quanto o console), então dá pra jogar bastante e revender depois, caso não queira mais os jogos novos.
  • A experiência de jogar na TV é melhor?
    Sim, no meu caso eu acho bem melhor. Mas isso depende muito do jogo. Mario Kart, Pokémon e AC por exemplo, é muito tranquilo de jogar como portátil, mas eu não me imagino jogando um Mario Odyssey portátil, a TV faz bastante diferença em alguns jogos.

Enfim, é um console muito bacana e com excelentes jogos, porém o valor é um absurdo aqui no Brasil (ainda mais agora, com o dólar nas alturas). Porém, se você tem a grana e está afim de jogar, recomendo fortemente, é meu console favorito pela simplicidade e qualidade de jogos. Nem sempre estou com saco de ligar o PS4, esperar atualizar 30GB, colocar um jogo com gráficos ultrarrealistas e histórias complexas. As vezes (a maioria) eu só quero ligar o game e me divertir um pouco.

2 Curtidas
  1. O que motivou fazer a compra?
    Jogos exclusivos. Sou muito fã de Pokémon, então comprei junto com Pokémon Let’s Go. Nunca tive um console da Nintendo (ou outro console, tanto que o Switch foi meu primeiro). Depois de um tempo, peguei Zelda Breath of the Wild e quis conhecer mais a franquia, por ter gostado muito do jogo e lore também.
    Como eu viajo bastante para uma cidade vizinha aqui, sempre tenho a vantagem de levar ele na mochila, sem muito desconforto ou cuidado que teria com um PS4 também. Foi um dos motivos de eu ter primeiro escolhido ele ao PS4.

  2. Qual a frequência do seu uso por dia/semana?
    Todo dia! Na verdade, depende do que estou jogando, mas como a lista de jogos não acaba nunca, sempre tem coisa pra fazer. Especialmente em Animal Crossing/Pokémon Sword que traz conteúdos rotativos todos os dias.

  3. Armazenamento é um problema?
    Se você pegar um microSD não, comprei um de 128GB, há mais de um ano que ainda não está cheio. Também dá para apagar os jogos que não joga mais, os saves ficam salvos separadamente ou em nuvem, caso queira recurperá-los depois.

  4. Você teve a sorte de dar “drift” no Joy-Con? Se sim, o que foi feito, trocou?
    Não tive, mas o @Felipe_Vinha teve e conseguiu a troca de graça no Brasil. https://tecnoblog.net/372364/como-trocar-joy-cons-com-drift-no-brasil-nintendo-switch/

  5. A bateria drena rápido?
    No primeiro modelo, dá para jogar umas duas horas e trinta minutos a três horas, mais ou menos. O modelo revisado (que é vendido agora) e o Lite já tem duração de bateria melhor.

  6. Na sua opinião, valeria apena comprar apenas focando na biblioteca de Mario?
    Eu não sou fã de Mario, mas de Pokémon (e agora Zelda). Se você gosta de Mario, talvez sim. Vai ser a única opção para jogar os lançamentos. Se pensa em outros jogos, que também estão em outros consoles, talvez seja melhor ir para outras plataformas porque o preço chega a ser mais barato e no Xbox tem o Game Pass.

  7. A experiência de jogar na TV é melhor?
    Sim! Acho meio desconfortável jogar por muito tempo no modo portátil, o Lite tem uma pegada melhor, mas no modelo normal eu sempre prefiro jogar na TV, quando possível. Além de ter uma melhora no visual, que salta de 720p para 1080p, e no som (dependendo da TV). Fora que aquilo não fica esquentando na mão.
    https://tecnoblog.net/321335/review-nintendo-switch-lite/

1 Curtida

Comprei o Switch só pra jogar Zelda e depois ia vender, pois já tinha um PS4. Acontece q hoje jogo mais no Switch do que no PS4.

1. O que motivou fazer a compra?
Zelda. Tava muito afim desse jogo e era um console barato (paguei R$900, R$3000 eu acho caro!)

2. Qual a frequência do seu uso por dia/semana?
Varia muito, mas jogo mais no Switch q no PS4/PC

3. Armazenamento é um problema?
Se eu n tivesse um microSD seria, 32GB é muito pouco, mesmo com os jogos sendo pequenos demais.

4. Você teve a sorte de dar “drift” no Joy-Con? Se sim, o que foi feito, trocou?
Sim, e é uma praga, quase todo mundo tem isso. Mas resolvo aplicando limpa contato para eletrônicos, quando passo fico meses sem o problema.

5. A bateria drena rápido?
Tenho há uns 3 anos e a bateria ainda dura muito bem, mas depende do jogo, em média de 2.5 a 3h

6. Na sua opinião, valeria apena comprar apenas focando na biblioteca de Mario?
Não pq tão caros demais, o bom do Switch são jogos indie. Eu tenho e curto alguns jogos da Nintendo, mas no geral eles n valem o q tão cobrando no Brasil.

7. A experiência de jogar na TV é melhor?
Sim, mas ainda prefiro jogar no modo portátil pela praticidade e conforto. Um jogo ou outro que é mais legal jogar com os movimentos do JoyCon que faço questão de jogar na TV.


Extra:

  • o q n gosto muito é a tela, ela reflete muito, o ambiente tem q estar escuro pra jogar certos jogos (ou pelo menos, ver certos detalhes).
  • o joy con é muito desconfortável, é, de longe, o pior controle q já usei, mas ainda assim, gosto mais de jogar no Switch do que no PS4 por conta da portabilidade (e sim, jogo em casa mesmo, raramente levo o Switch pra algum lugar, no máximo numa viagem ou casa da minha mãe).