iFood é multado em R$ 2,5 milhões por "golpe do entregador"

Minha crítica é mais contra os termos de serviço abusivos. Nesse caso eu nem culpo a empresa pela prática do golpe, porque realmente é burrice fazer pagamento por fora, e ainda mais numa máquina de cartão com visor quebrado.

Agora o golpe dos 10 minutos não dá pra isentar a empresa, pois não há nada que o cliente possa fazer para evitá-lo. Eu sei que foi com o Uber Eats e não com o Ifood, mas não duvido que aja com o mesmo descaso, ainda mais depois de ler essas cláusula de que a empresa não se responsabiliza pela prestação do serviço.

Folgado é quem aplica golpe, é bom respeitar quem sustenta os entregadores. Ninguém generalizou que todo entregador é desonesto, se você trabalha honestamente, não precisa ficar validando e ofendendo os clientes.

Quem é que passa o cartão em uma máquina sem ver o valor? Tem hora que o pessoal faz papel de trouxa mesmo.

Vc leu errado meu querido, o caso da matéria são os entregares bandidos e não que todos eles são, toda semana eu devo usar serviços de entrega e de transportes, ÓBVIO que não sou todos que são bandidos né.

Este tópico foi automaticamente fechado após 92 dias. Novas respostas não são mais permitidas.