Empresa que leu WhatsApp do funcionário vai ter que pagar R$ 3 mil

Incrível como as indenizações são baixas. A justiça é muito desfuncional nesse ponto.

9 curtidas

Cara no qual trabalha diretamente para a área de linhas corporativas da Claro aqui, no qual temos clientes que tendem a levar a sério o uso de assets corporativos fora do horário de trabalho. Se esse fosse o motivo, existem meios muito mais “elegantes” de monitorar o consumo fora do expediente, todas elas envolvendo logs e zero bisbilhotagem.

Claro, se esse fosse o caso né? Não só meteram o olhão no WhatsApp pessoal do ex-funcionário, como fizeram demissão por justa causa. A única situação plausível onde uma demissão assim seria justificada nesse cenário é aquelas onde dados sensíveis da empresa estivessem em jogo.

Se o encorajamento (ênfase no encorajamento, pois dá a entender que não seria o funcionário em questão que iria fazer a fraude) para forjar atestados é de fato um problema, medidas disciplinares deveriam existir antes de recorrer a algo drástico. E isso já soa como disco riscado, mas se o funcionário em questão não está comprometendo seu ambiente de trabalho, não cabe a empresa ditar os estilos de vida de alguém.

Sempre existe alguém pra querer ter mão de ferro em pequenos poderes.

4 curtidas

pode ser que a indenização foi baixa devido ao curto período do funcionário na empresa!! a multa deveria ser fixada em SM!!

1 curtida

Não sei, salário mínimo por si já é um negócio muito baixo em termos de dinheiro. Meu ponto de vista é que multas como pena deveriam pesar muito pra doer de verdade. 3k é troco de pinga para uma empresa desse porte.

4 curtidas

Demissão fraudulenta e com quebra do direito a privacidade (tanto no sentido moral quanto na lei) e resultando numa mísera multa de 3 mil?
Multa não deveria ser a “punição que dói no bolso”? Extremamente ridículo essa falta de noção do juizeco.

Me lembrou o caso daquele cantor sertanejo que expôs um número de telefone “por meme”, assim criando uma enxurrada de incomodação pro dono… Pena? Uma multinha de 80 mil; isso não é nem o que o tal cantor gasta em vinho e gasolina no final de semana.

E o pior que nem dá pra esperar muito do legislativo. Estão preocupado com linguagem neutra e banheiro unissex.

1 curtida

Eu trabalho com a averbação de contratos de crédito consignado e a minha empresa fez cadastros nos portais dos governos e inseriu meu celular pessoal sem meu consentimento. Aí de vez em quando algumas pessoas de várias partes do Brasil me mandam mensagem no whatsapp perguntando se o empréstimo foi liberado, se pode fazer refinanciamento ou quanto tem de margem.
Já falei pra eles tirarem para não me incomodarem mas não fazem isso.
Já procurei tópicos na internet sobre isso mas não encontrei, tem alguma coisa a ver com a LGPD?

Provavelmente se encaixa na mesma situação que o desse outro caso.

Só vai resolver processando

1 curtida