Conheça os novos nomes que a AMD vai usar em seus chips a partir de 2023

Pra mim, continua uma bagunça. Nos chips Intel, a nomeclatura já é mais autoexplicativa:

i3 (seguimento)
10/11/12 (geração)
e por fim as variantes.

Eu nunca sei se o Ryzen 5 5xxx é mais recente que um Intel i5 11xxx, por exemplo.

3 curtidas

Muita bagunça ainda!

1 curtida

O problema é tentar comparar com os nomes antigos, pq agora tem mais um Ryzen 5 por exemplo. E o número da arquitetura também vai ser importante, já que se ela lançar algo com arquitetura antiga pode começar como se fosse um novo lançamento. Sinceramente, espero que ela não faça um monte de variável sem muita lógica.

O oposto é válido também, e não é como se a Intel fosse muito boa nisso, como os I7-algumacoisag7, acho que foi Ice Lake?! A transição de 14nm para 10nm foi bagunçado, nunca entedi esses chips mobile dessa geração.

1º dígito: identifica o ano de lançamento, começando com ‘7’ para o portfólio 2023

Pois é, é para corrigir esse problema… o Ryzen 5 5500 ainda usa a nomeclatura antiga… é desse ano. 2022.

Mas a Intel está bem melhor do que a AMD neste quesito, vc sabe que um Intel core i5 12…é melhor que o i5 11… isso muito ajuda bastante pessoas que tem pouco conhecimento.

Da AMD jogar para o segundo digito a responsabilidade acho muito problema;
o primeiro ser o ano, tanto faz, já que pode ter vários modelos e tecnologia diferente no meio

1 curtida

Por isso que tem um digito especifico para indicar a geração da microarquitetura, assim tu consegue saber o ano de lancamento e a microarquitetura em uma só olhada.

1 curtida

mas ai para quem tem conhecimento, para as pessoas que tem menos conhecimento, a Intel é bem melhor

qualquer processador que a Intel lance, o que ela destaca primeiro é a geração que é mais nova, já ajuda bastante, kkkk ajuda até os vendedores em dar uma tapeada em dizer que um intel i3 de 12ª seja melhor que um i7 de 11º