Compensa ter domínio próprio para e-mail?

Estava pensando sobre essa praticidade. Será que os serviços aceitam domínio próprio? O iFood, por exemplo, é bem frescurento e nem aceita ProtonMail, quem dirá domínio próprio. Será que compensa?

3 curtidas

Acho que depende. Você tem uma marca ou negócio? Mesmo que seja seu nome? Nesses casos eu acho que é interessante o domínio próprio. Mas, dependendo do domínio, talvez cause estranheza em quem receber a mensagem, que pode acabar achando que é algum golpe, além de ter mais chances de cair direto na caixa de spam.

Tive um professor que usava um domínio que era o próprio nome dele, então o e-mail ficava [email protected]. Era engraçado e até um meme entre os alunos (a gente chamava ele de [email protected]), mas não sei se fora daquele ambiente universitário gerava algum valor.

Por fim, se for algo que você acha que vai ser interessante e legal (já tive essa fase, rs), recomendo que faça um teste. Aproveita que não é muito caro e faz uns testes para ver ser os serviços vão aceitar (acho que a maioria vai).

2 curtidas

Compensa se você tiver uma marca, um negócio ou for autônomo. Se você tiver um blog também, ou algum site.

Em relação a isso que o Giovani falou, é só tomar cuidado na hora de escolher seu domínio, tem alguns como o .xyz que são bastante usados para enviar SPAM, vale a pena dar uma pesquisada nos domínios disponíveis nos sites de hospedagens.

Olha, particularmente nunca vi nenhum serviço não aceitar um e-mail corporativo/com domínio próprio, se você sente a necessidade de um e-mail assim pode utilizar sem medo.

1 curtida

Pra uso profissional, pode valer a pena.
Para uso pessoal, é um custo extra e uma coisa a mais pra manter pra ter retorno zero.
Minha experiência pessoal, quando eu comecei a usar um email com domínio próprio o serviço demorou pra configurar direito e depois de algumas semanas ele sempre perdia a configuração e eu tinha que reconfigurar e demorava algumas horas, quando não demorava um ou dois dias, foi um caos.

Dito isto, os serviços de email que permitem usar um domínio próprio geralmente permitem criar alguns aliases, então você pode criar um [email protected]ínio ao invés de seudomí[email protected]ínio e evitar o caso que o Giovani relatou sobre o professor dele usando [email protected] ao invés de usar um [email protected]
E eu acho que os serviços de email que permitem usar um domínio próprio também mantêm um endereço deles pra você receber email se quiser. Ou seja, se você usar no protonmail, eu acho que você ainda pode receber email no domínio protonmail (suponho que no gmail seja a mesma coisa, mas tem que confirmar).

1 curtida

compensa para trabalho: tem um empresa ou negócio, trabalha como autônomo, já tem uma marca (mesmo que seja pequena, quem sabe não cresce ou ganha nome)
com domínio próprio você passa uma credibilidade e seriedade

não compensa para o pessoal, vai ser somente um gasto, além do risco de chegar a não fazer manutenção (inclusive financeira) e perde todo o conteúdo que pode ser importante

Só que tem uma questão, não é viável financeiramente, mas é um desejo pessoal, e as vezes o pessoal vale a pena, nem que seja temporariamente só para matar a vontade, e como o custo não é alto, aí você decide e seja feliz

1 curtida

Detalhe… se tu for desorganizado, não compensa… tu vai acabai esquecendo de renovar. Ai já viu a dor de cabeça.
Mas se tu for organizado e/ou deixar em débito automático, até compensa.

1 curtida

Mas e se um dia o Tutanota e ProtonMail, provedores que eu uso, acabarem? Aí vou ter um trabalhão pra mudar todos os meus cadastros.

1 curtida

Se chegar nesse ponto, eles devem fazer a opção de baixar o conteúdo e importar em outro serviço

1 curtida

Mas o problema são os cadastros. Eu mantenho o máximo de registro que consigo com um gerenciador de senhas, mas mesmo assim é preciso usar o e-mail em algumas situações que não envolvem a criação de uma conta.

Também me vem uma dúvida: se um dia o ProtonMail e Tutanota acabarem e os domínios expirarem, alguém pode registrá-los novamente. Isso não seria ruim?

1 curtida

Nenhum dos dois deixa registrar novamente, já fiz esse teste

Banco grandes também tem vazamento, acabou de vazar dados do Bradesco

1 curtida

Não. O que eu disse foi: o domínio em si (protonmail.com) expirar, alguém comprar ele e depois configurar um servidor de e-mail novamente.

1 curtida

O dominio é tão barato que a empresa pode simplesmente pagar 10 anos dele e deixar sem uso pra ninguem fazer um mal uso dele no futuro, mesmo que ela acabe com o serviço de email.

1 curtida

Até que a empresa esquece de renovar o domínio e ferra tudo.
Foursquare, Microsoft (duas vezes, por sinal), Regions Bank (uma empresa na lista do Forbes 500 das maiores empresas dos EUA) e talvez até o Google (nesse caso pode ter sido uma falha no sistema) já fizeram isso.

FS: Foursquare forget to renew their domain name with GoDaddy | Metro News
MS: Microsoft Forgets To Renew Domain… Again | Techdirt
Google: A Guy Bought 'Google.com' for a Minute

No caso do Google, o cara que comprou teve acesso ao painel de controle do Google pelo 1 minuto que ele manteve o título do domínio.

Isso pode acontecer com qualquer empresa, como a lista de exemplos mostra.
Claro que são situações diferentes. Nenhum dos casos aqui foi de uma empresa que deixaram de funcionar.
Espera-se que se a empresa deixar de funcionar, ela vai simplesmente desvincular o servidor do domínio e tornar o servidor inacessível pelo domínio.
Existe a possibilidade de isso não ser feito e o acesso continuar disponível para quem comprar o novo domínio? Talvez. Altamente improvável, porque a pessoa teria que comprar o domínio E o servidor, mas enfim. Se a sua paranoia chegar a esse ponto, você nunca vai ter um email ou qualquer serviço que dependa de um site.

Isso depende da responsabilidade da empresa, antes de terminar e eles renovarem, eu acho que é difícil a Proton perder porque eles tem poucos domínios (acho que deve girar em torno de 8) e o controle é fácil.

Agora, é difícil, mas não é nunca (100% só a morte e imposto), porque o Google perdeu um tempo aí atrás o domínio na Argentina e conseguiu retornar.

Penso que por se tratar de uma empresa consolidada, os caras podem pagar para ter o retorno ou o órgão que cuida pode fazer a assinatura no tempo que o domínio fica suspenso até retorna para o mercado

Se eu sou uma dessas empresa chego e pergunto pra controladora dos domínios se eles aceitam registrar o dominio pelos proxinos 100 anos e não me preocupo mais com isso.

Não precisa dos servidores, tu pode subir qualquer servidor de email e criar os mesmos endereços de email e ter acesso aos novos email sem o antigo dono ter acesso. Claro que não vai ter acesso aos email antigos, mas não precisa disso para fazer um estrago.

Não da pra pagar no cartão de credito automaticamente não?

eles tem data de validade, tem o risco de esquecer de cadastrar o novo.