Chinês recebe R$ 2,5 mil por denunciar pornografia