Celulares tops de linha antigo valem realmente a pena?

Vimos uma alta crescente nos preços dos eletrônicos, então a busca por aparelhos antigos aumentaram. Então qual a opinião de vocês me relação a isso?

Tomem como exemplo aparelhos como: s8, s9…

1 Curtida

Uso um S8 e me atende muito bem.
Mas meu uso se resume a banco e zapzap, então esse S8 deve me atender bem por mais alguns anos.

E isso serve pra mostrar que um aparelho valer a pena ou não depende da sua necessidade.
O aparelho que vale a pena pra um pode não valer a pena para outro.

7 Curtidas

Depende de quão antigo. Meu limite é uns 2 ou 3 anos, por que além disso as baterias começam a gastar e o suporte do fabricante mingua.

4 Curtidas

Eu diria que ainda vale a pena. Tu não vai ter o ultimo Android de forma oficial, mas pode ser que tenha pelo LineageOS ou algum outro custom rom.
O S8 apesar de ter quase quatro anos de vida, é um aparelho muito bom. (Melhor que meu Redmi 7, por sinal)

Mas como o evefavretto mencionou, tem o problema das baterias.

1 Curtida

Num Samsung não consigo MESMO recomendar custom ROM, por que dispara o Knox, e não tem mais como usar Samsung Pay entre outras coisinhas. E bem, os high-ends da Samsung ainda tão vendo updates de segurança.

3 Curtidas

Eu troco de celular a cada 3 anos, sempre procuro comprar o TOP de linha uma geração atrás da atual (tenho um Note 9 comprado em 2019). Então, se esse for seu caso, acho que um S8 ou S9 para ficar pelos próximos 3 anos é complicado.

Tem isso, nem lembrava que o S8 AINDA recebia updates. hahaha Nesse caso, melhor Android antigo mesmo.

Se a pessoa está questionando comprar um smartphone de 3~4 anos atras como o S8, acredito que esse não seja o caso.

Comprei um Note10+ mês passado por R$2800. Saí de um Mi Mix 3 por que 128Gb não estava me atendendo mais. Até agora estou achando ele incrível.

Não vi motivos pra pegar o Note 20 (plástico, tela pior, bateria menor, processador esquenta mais).

2 Curtidas

Sinceramente, eu não vejo necessidade de usar ROM pra ter o Android atualizado, pois do Android 8 ao 11 não mudou quase nada e a maioria das coisas que mudou a Samsung já tinha na One UI.
Sobre atualizações de segurança, muitas delas vem via Google Play Services, então mesmo que você esteja com um Android 5 não estará muito vulnerável.
O problema de um Galaxy S8 é que a tela pode estar começando a sofrer de burn-in e a bateria você terá que carregar mais de uma vez por dia. Mas caso tenha pouco dinheiro, ainda acho que vale mais a pena comprar um top de linha antigo usado do que um basicão lançado recentemente.
E eu só citei Samsung pq não imagino você comprando um top de linha antigo da Motorola. A bateria do Moto Z já era ruim no lançamento, com 3 anos de uso não deve durar nem 1 hora.

3 Curtidas

No ano passado, eu comprei um Galaxy S10+ enquanto o modelo do ano era o S20. Ele é super contemporâneo, vamos dizer assim, e ainda vai receber atualização por um bom tempo. Nessa brincadeira, consegui economizar um bom dinheiro por não comprar o modelo mais recente e ainda adquiri o modelo mais avançado da linha.

Agora, deduzo que um divisor de águas seria a questão da atualização. Se update de sistema for um quesito importante, alguns modelos mais antigos podem não atender esse ponto muito bem. Porém, vale lembrar que tem existe smartphone que não recebe novas versões do Android, mas recebe atualizações de segurança.

2 Curtidas

Qual versão? De 256GB, 512GB ou 1TB?

Acho que depende muito do uso, mesmo topo de linha de gerações passadas geralmente ficam pouco mais caros do que intermediários que me atendem. Último celular que comprei foi o A50, meus contras nele é não ter NFC, e hoje sinto que poderia ter um pouco mais de RAM. Quero passar mais dois anos com ele, mas se hoje fosse trocar pegaria o A52, por ter tudo que me falta nesse e mais um pouco, e assim como o A50 recebe atualizações mensais, coisa que só descobri depois de comprar.

1 Curtida

Recomendo comprar um smartphone antigo (usado) apenas se:

  1. Tiver disponível para ele uma Custom ROM oficial 100% estável, otimizada e sem bugs que comprometam o uso.
  2. O aparelho estiver bem conservado e com a bateria recém trocada, ou se a assistência técnica autorizada ainda estiver fornecendo baterias novas e originais para que você possa trocá-la.

Neste sentido, a LineageOS 18.1 baseada no Android 11 foi lançada agora em abril e vale a pena conferir a lista de aparelhos compatíveis. Atualmente eu uso um J7 2015 com LineageOS 17.1 (Android 10) e está 100% funcional.

1 Curtida

Eu particularmente acho totalmente válido.

Eu tiro por mim: dificilmente troco de aparelho, e se eu puder ter um que vai durar uns 5 anos na minha mão, melhor ainda.

Eu costumava comprar só aparelho top de linha pra ficar com ele o maior tempo possível, mas infelizmente nos últimos anos isso não foi possível.

O valor é alto demais pro meu bolso, e acabo escolhendo celulares intermediários, que costuma mostrar os sinais da idade em menos de 2 anos.

Mas a vida é assim. :man_shrugging:

1 Curtida

Esse é um dos meus medos, a bateria provavelmente já não estará boa

o S8 já está praticamente datado, não durará mais que um ano, já o S9, creio que ele durará pelo menos 2 anos a mais

Para utilizar room tem que ser um usuário mais avançado, o que são minoria, está essa opção realmente está descartada.

E realmente motorola infelizmente está uma tristeza.

Não acho que precisa ser muito avançado, quando eu instalava rom era tão simples, só seguir um tutorial.
Na época que eu tinha um Razr i eu testava uma rom nova toda semana.

1 Curtida