Bloquear Alterações Do Desktop e Arquivos Geral

Alguém sabe dizer se tem (e como) posso bloquear a área de trabalho (desktop) no Windows 10, de modo que não tenha como alguém excluir, renomear ou alterar ícones dos itens da área de trabalho?

Aproveitando: Também queria saber como bloquear o acesso a excluir, renomear ou alterar ícones dos arquivos das pastas como o Explorer (músicas, vídeos, fotos, documentos…).

***Não quero impedir o acesso (pode abrir e ver), pois aqui não faço nada que ninguém possa ver (além disso, bloquear de ver eu seu como fazer), quero apenas impedir de fazer alterações (excluir, renomear ou alterar ícones dos itens da área de trabalho e dos arquivos das pastas como músicas, vídeos, fotos, documentos).

Queria que tivesse essa opção, pois como não sou apenas eu que mexo, pudesse impedir de outros fazerem alterações.

Se não for no mesmo usuário, acho que dá para bloquear a área de trabalho usando o gpedit.msc… mas só no Windows 10 Pro. E para evitar que o pessoal apague, é só tirar a permissão à modificação dos outros usuários nas propriedades da pasta.

Se for no mesmo usuário, acho que tu vai precisar de algum software de terceiro.

Mas eu queria um jeito que pudesse bloquear e eu pudesse conseguir alterar, tipo, algum programa que faz o bloqueio e ter uma combinação de teclas para que se eu quiser eu possa desbloquear e fazer a alteração, e reativando logo em seguida o bloqueio para outras pessoas (pois, aqui, de vez em quando meus sobrinhos, que ainda são pequenos eles vem e querem mexer, então tendo como bloquear evita deles excluírem ou modificar algo por acidente). Ou outras pessoas mais velhas e que não saiba mexer direito.

Eu não uso mais de um usuário. Aqui é livre para todos, tanto é que o nome de usuário do meu Windows eu coloquei “Família Ruiz” (que é para qualquer um que saiba mexer no básico poder entrar e mexer sem ter que ficar trocando usuário, só não quero que apague algo, mova arquivos de lugar, renomeie ou mesmo altere as propriedades dos arquivos.

Acho que só com softwares de terceiro.

Mas acho que o ideal seria tu mover os arquivos que tu não quer que apaguem pra outro usuário e tirar a permissão de modificação do “Familia Ruiz”. Alternativamente, tu pode criar uma pasta na área de trabalho para cada pessoa usar e falar que cada um tem sua própria pasta e não deve bagunçar a alheia.

1 Curtida

Não é mais fácil criar outros usuários?
Cada usuário tem sua própria área de trabalho e as modificações feitas em uma área não afetam as outras (exceto os atalhos de alguns programas quando são criados e deletados de maneira universal).
E você pode modificar as permissões de cada usuário, facilitando o controle e diminuindo as chances de uma grande kgada acontecer.

2 Curtidas

Não, porque seria inútil ter vários usuários no meu computador, afinal, outras pessoas só mexem esporadicamente (ou seja, raramente eles vem aqui mexer, no máximo uma vez por semana), além disso teria que habilitar para ficar sempre escolhendo o usuário na inicialização do Windows, e eu gosto que ele abra automaticamente. sem contar que ficaria muito chato ter que um entrar e abrir seu usuário e depois sair, outro vem abre seu usuário e depois sai…

Sem contar que mais de um usuário só servirá para perder espaço no disco rígido a toa. Teria que criar atalhos em outro(s) usuário para os programas e não gosto de ter nada repetido no meu computador, gosto das coisas bem organizadas

Você pode configurar o Windows 10 pra fazer login automaticamente em um usuário específico.

Você não precisa criar uma conta pra cada pessoa, pode simplesmente criar um único usuário novo (“Visita” ou qualquer coisa do gênero) e deixar lá pra todas as outras pessoas que usam.

Perfis extras ocupam pouco espaço no Windows 10 (a não ser que eles baixem um monte de coisa), então espaço não deveria ser um grande problema.
E espaço, por espaço, tem que ver qual seria o tamanho do software de terceiros capaz de fazer isso.
Além do que, não é espaço à toa, é espaço pros outros usuários poderem usar e bagunçar sem bagunçar o seu próprio espaço. Eu não vejo isso como à toa.

Bom, atalho ocupa quase nada de espaço e como estarão em outra área de trabalho, você nem vai ficar vendo. Mas TOC é TOC e TOC não tem muito como resolver aqui.

Solução via software eu desconheço, mas deve existir, já que em empresas e universidades eu acho que a área de trabalho é travado.

=================

Eu sei. Mas teria que ficar saindo e entrando. Não vejo essa necessidade. Pois como já disse: outras pessoas só entram esporadicamente, além disso, ninguém iria querer ficar fazendo login (acho que eles nem sabem como fazer). E, tipo, às vezes estão em suas redes sociais, por exemplo e querem usar uma foto salvo no meu computador, então se tiverem acesso com outra conta não poderá acessar a pasta “minhas fotos”, só a do usuário deles. Minha mãe é a única além de mim que entra todos os dia no computador, ela não consegue mexer direito (para ela poder abrir um link precisei alterar a opção de “2 cliques” para “1 clique” para abrir arquivos, pastas e links), imagine ela ter que ficar fazendo logoff no Windows?..

Não, não tenho esse transtorno, apenas gosto das coisas bem organizadas, pois fica mais fácil de acessar.

Acabei de descobrir que dá pra fazer alterações usando o programa do próprio Windows chamado “Editor de Política de Grupo Local” dá para fazer algumas alterações de impedir alguns itens de serem alterados, porém, não é tudo que eu quero que dá (só dá para mudar a área de trabalho / desktop e outros itens que não vou modificar por medo de dar errado), mesmo assim não muda quase nada, tipo, não tem como impedir de criar novos atalhos, excluir ou mover os ícones de lá apenas consegui fazer com que não dê para mudar o papel de parede e não renomear os atalhos da área de trabalho, mesmo reiniciando), sem contar que, se eu quiser, por exemplo mudar o papel de parede ou quiser adicionar um atalho, terei de entrar no “Editor de Política de Grupo Local” e alterar para poder fazer alteração

Bom, como praticamente todos já sugeriram, a maneira mais simples, barata e convencional é criar uma conta de usuário.

Como você não quer criar uma nova conta de usuário, o jeito vai ser usar alguma solução como o Deep Freeze.

Basicamente o que esse software faz é descartar todas as alterações feitas no sistema após desligar/reiniciar o computador.

O custo é de USD 60,75 (cerca de R$ 329 em conversão direta) para uma licença de 3 anos.

1 Curtida

gustaGustavo

Bom, como praticamente todos já sugeriram, a maneira mais simples, barata e convencional é criar uma conta de usuário.

Como você não quer criar uma nova conta de usuário, o jeito vai ser usar alguma solução como o Deep Freeze.

Basicamente o que esse software faz é descartar todas as alterações feitas no sistema após desligar/reiniciar o computador.

O custo é de USD 60,75 (cerca de R$ 329 em conversão direta) para uma licença de 3 anos.

================

Parece ser bom. Pena que é pago e muito caro, tem como testar, mas é só por 30 dias de avaliação. Vou testar depois dou uma avaliação, (mas por ser muito caro já digo, que minha nota de avaliação não será de 10 pontos).

ATUALIZAÇÃO: Estou pesquisando mais sobre ele e, acho que não vou nem testar, pois para desinstalar ele depois parece que será mais complicado que o “antivírus” BAIDU. E, se entendi bem ele pede senha para iniciar o Windows, e eu não quero, meu computador quero que abra automaticamente como sempre. Meu objetivo não é bloquear acesso aos arquivos (fotos, vídeos, documentos, músicas…), isso eu sei como fazer (basta colocar os arquivos em modo oculto); meu objetivo é bloquear apenas para não fazer alterações indevidas (excluir, renomear, mover, alterar propriedades… dos arquivos)

Temos uma incoerência aqui, se é apenas esporadicamente que outras pessoas usarão, então não vai ficar trocando de usuário toda hora. Se vai ter que trocar de usuário toda hora, o uso por outras pessoas não é esporádico.

No mais, você tem 2 opções:

  1. Usuário Visitante
    Prós: Maior controle, possibilidade de bloquear a edição de arquivos, função nativa que não consome recursos e não tem necessidade de pagar. E para o usuário Visitante ter acesso aos arquivos de outro usuário, é só colocar um ícone na área de trabalho “Fotos”, “Música”, etc. Ele vai ter acesso aos arquivos do usuário administrador, mas é só definir nas políticas que é apenas pra visualizar.
    Contras: Necessidade de logoff-login de usuário, apenas no momento que este for utilizar.
  2. Deep Freeze
    Prós: Faz exatamente o que o usuário quer, bloquear qualquer alteração na máquina.
    Contras: Pago, consome recursos do sistema e, como já foi apontado, é de difícil remoção.
1 Curtida

Não todo dia, mas quando eles vem mexer sim, um entra faz uso e sai, outro vem faz uso e sai… E outra, tem minha mãe que entra todo dia para entrar no face, e como ela não tem muito controle, às vezes acaba sem querer mudando alguma coisa, eu mesmo às vezes sem querer excluo ou mudo os ícones da área de trabalho de lugar sem querer.

Ah, e outra, se cria novo usuário, o Windows sempre vai pedir para escolher a conta na hora de ligar, e como já citei: eu quero deixar que ele abra automaticamente sem ter que ficar escolhendo a conta a logar.

E, como já disse, se colocar essa opção de troca de usuário (como não têm costume, nem sabem o que é fazer login) nunca vão lembrar de fazer login. E, eu sei que poderia criar um só login específico para os demais e um para mim, mas não é inviável.

Cria uma conta de convidado sem privilégios de Admin, sé é que é pra impedir de outras pessoas alterarem os arquivos, É mais pratico.

Já falei Zilhões de vezes aqui que NÃO quero criar nova conta no Windows

Este tópico foi fechado automaticamente 2 dias depois da úlima resposta. Novas respostas não são mais permitidas.