Bard em português passa a usar Gemini Pro, novo modelo de IA do Google

1 curtida

O Bard vai gerar imagens com pixels que funcionam como uma marca d’água invisível.

Será que isso não some após a imagem passar por compressão?

1 curtida

A evolução da inteligência artificial impressiona. Empregar essas ferramentas para desenvolvimento responsável é imprescindível.

1 curtida

Bom, na indústria cinematográfica temos o Cinavia faz um bom tempo, uma marca d’água na trilha de áudio que barra a reprodução em dispositivos não autorizados, e ela aparentemente sobrevive compressões. O Bard pode ter adotado algo parecido, mas com imagens ao invés de áudio…

5 curtidas

Tudo vai depender do algoritmo empregado e da quantidade de redundância disponível.

3 curtidas

Não faz sentido sumir, pq normalmente as imagens que transitam nas webs já estão comprimidas.

1 curtida

usei pra algumas besteirinhas e achei o Bard melhor que o GPT, não sei o que houve mas o GPT anda meio ruim das pernas por aqui faz um tempo

1 curtida

Eu hj em dia nem uso mais “diretamente” o ChatGPT, prefiro usar o Copilot/Bing Chat, pq pelo menos usa a versão mais atual do GPT (4.0), enquanto q no ChatGPT, teria que usar a GPT 3.5 por ser a versão gratuita, ou seja, mais limitada.

Mas cada vez que uma pessoa baixa a imagem e reposta, a imagem passa por uma nova compressão.

O MKBHD fez um vídeo onde ele mostra como fica um vídeo ao ser upado e baixado 1000 vezes, a cada vez o YouTube vai comprimindo mais o vídeo.

O mesmo vai acontecendo com fotos e o resultado pode ficar ainda pior se for feito entre diferentes apps.

1 curtida

Tecnicamente, depende do tipo de compressão. PNG não deve perder após a compressão, já JPEG tende a ter perda de informações.

Curiosidade: Acredito que o conceito aplicado se chame esteganografia e é bem antigo, tipo os gregos antigos. O Amigo acima comentou do Cinavia, mas na interwebs isso existe a bem mais tempo e é bem provável que você já se deparou com imagens com conteúdo oculto sem saber.
É até interessante pensar que eventualmente pessoas, ou grupos, se comunicaram assim.

1 curtida

Mas aí são duas abordagens diferentes.

A compressão de vídeo reduz de fato a qualidade final e pode ser perceptível já na 1a compressão.

Já uma compressão de foto tenta reduzir o tamanho, mas mantendo a maior qualidade possível. Tanto é q tem compressões q são bruxarias puras, a gente não consegue identificar qual é a original.

Obviamente, vc pode usar uma compressão mais agressiva e sacrificar a qualidade.

Porém, se vc repetir a mesma compressão de uma foto várias vezes, nada vai acontecer, vai comprimir 0% depois da primeira vez. E se vc usar vários métodos de compressão, tecnicamente, vc vai ficar com a pior compressão delas, não a soma de todas elas.

Mesmo que não venha a sumir, bem provavel que alguém desenvolva uma ferramenta para remoção dessa marca d’água de proteção.
Esses dias mesmo eu usei um site para melhorar uma foto por IA sem limite de uso mas que adicionava marca d’água, que ficou fenomenal dada a qualidade da foto original. Depois eu achei outro site que removia marca d’agua de imagens com uso de IA, kkkk. O segundo site tinha sistema de tokens gratuitos.

1 curtida

Quais são esses sites aí?

Passa a dica aí…