As pequenas rivais da Claro Virtua, Vivo Fibra e Oi Fibra estão unindo forças

Trabalho em um pequeno provedor, que se juntou a outros pequenos provedores para poder continuar existindo. Kkkk

As grandes apanharam foi pouco.
Eu me lembro que pra colocar internet de banda larga na casa da minha mãe foi um parto. A Vivo só oferecia 4mb, davam a opção de 8mb no site mas nunca tinha disponibilidade.

Dai achei uma operadora regional. Resultado: 300mb de fibra ótica pelo mesmo custo que tinha na Vivo

6 curtidas

E eu só queria que a Claro trocasse a rede de cabo coaxial por fibra na minha rua. Cheio de provedores de fibra no poste da frente da minha casa e tenho que ficar na Claro por ser a única que tem telefone fixo. Aff

Bom se esses pequenos provedores, ao se unirem, conseguissem adquirir blocos de IPv4 a fim de evitar por os clientes em CGNAT, que é o grande calcanhar de Aquiles dos ISPs regionais. Infelizmente a universalização do IPv6 virou lenda, assim como ano do Linux no desktop e o grafeno.

6 curtidas

Eu simplesmente adoro ver essas teles tomando no rabo.
Graças a um provedor regional tenho conexão de qualidade desde quando Oi era a única maior tele na cidade. Me ofertava uma pífia conexão ADSL de 5MB/512kbps quando eu mudei pra fibra de 15MB com 50% de upload. Na casa de um amigo até chegava porcos 10MB (instáveis) mas na minha casa nunca tinha disponibilidade.
Hoje o operador regional já me oferta 300MB pelo preço que eu comecei pagando nos 15MB.
Agora já chegou Claro e Vivo, mas eu JAMAIS mudarei pra essas gigantes, pelo menos enquanto tiver opção.
E amém.

6 curtidas

Eu sofri tanto pela negligência de Oi, Vivo (GVT), Claro (Net) e Tim que hoje eu não volto pra elas nem que elas me paguem, quero que se explodam!
Minha cidade, Ibirité, na região metropolitana de BH, tem 180 mil habitantes. Moro a poucos metros do município de BH em si, numa área conurbada (o que dá mais raiva). Antes só existia Velox nas principais avenidas, com velocidade pífia. Passei a era do Orkut/MSN até uns 5 anos atrás sofrendo com internet a rádio. Até que cerca de 4 anos atrás a TurboNet, de um amigo, me ofereceu fibra ótica. Hoje tenho a internet que muitos amigos de bairro bom de BH não tem.
A última queda de conexão deve ter uns 10 meses e durou minutos, a velocidade tá sempre no talo (100% do contratado, inclusive aos domingos) e o suporte chega de moto em 10 minutos, até toma uma breja se deixar kkkk.
O mundo é de quem quer transformar! E essas gigantes só querem monopolizar.

1 curtida

Aqui no meu bairro a vivo ta quase pegando a gente pelo braço, mas anda perdendo feio pros provedores “de bairro” . Pago 78 reais por 100Mb e com upload excelente, nao os ridiculos 10mb do vivo de 100mega q custa 99. Ah e sem fidelidade e sem encheção de saco. Se quiser, amanha cancelo e vou pra outro, q tambem nao exige fidelidade.

1 curtida

Aqui em São Paulo mesmo, regiões mais periféricas as grandes simplesmente cagava e andava pra gente, em pleno 2018 ainda oferecia 10mb. Até que então chegou as regionais oferecendo fibra por muito menos eu fui o primeiro da rua a ter e permaneço com a mesma até hoje, ano passado Live Tim, Vivo começou a chegar por aqui mas o que eu percebo que todos estão bem satisfeitos com seus pequenos provedores e as grandes vão penar pra ganhar território. Hoje eu tenho 400mb por 109 reais e que eu costumo a chamar de 500mb por só fica nessa Faixa.

Bom seria se esses pequenos provedores se organizassem para criar um banco de dados de cobertura. Atualmente é praticamente impossível saber quem está disponível onde.

Facilitaria inclusive para quem está procurando imóvel ou lugar para construir.

2 curtidas

Amém. Te entendo, mas no meu caso quem me salvou foi a Net. Passou o cabo coaxial e hj tenho 240mb. A Oi ainda está com o ADSL de 20mb aqui

O Brasil é um país continental então por esse lado somando ao de que as grandes teles focariam nos grandes centros, os pequenos provedores viram um filão de oportunidade… agora com as redes neutras e a tecnologia saindo de cabo para fibra começaram as consolidações do mercado pois tinha-se milhares de ISPs, a consolidação começará pelas pequenas, depois as médias (Brisanet, Surf, dentre outras) virão a comprar essas pequenas depois as grandes (Vtal da Oi, Fibrasil da Vivo e Tim) compraram as médias

1 curtida

Tem que haver uma mudança na sua classificação, já que a Brisanet já é maior do que a Tim.

sim a Brisanet cresceu bastante, é maior não só do que a Tim em clientes 100% fibra mas também maior que a Claro…mas não é considerada de grande porte no que me referei não devido a quantidade de clientes mas em “poder de fogo” “bala na agulha” A Tim tem sua própria rede neutra em parceria e se quiser pode comprar a Brisanet, o mesmo a Fibrasil da Vivo ou a V.Tal da Oi!! Lá na frete jovem muito provável a Brisanete ser incorporada por uma dessas gigantes, acredito que será pela V.Tal da Oi e BTG!!! abs

O critério da Anatel para classificar uma empresa como prestadora de pequeno porte (PPP) é que ela tenha participação de mercado nacional inferior a 5% em cada mercado de varejo em que atua.

Sendo assim, a TIM não é considerada PPP por ter mais de 5% do mercado nacional de telefonia móvel, mesmo tendo presença menor que a Brisanet na banda larga. O mesmo acontece com a Sky, que também presta internet fixa (via 4G), tem market share ínfimo nesse serviço mas é considerada como grande operadora.

1 curtida

Eu sofri com questão do CGNAT na Claro/Net. Minha sorte foi que um provedor local passou fibra aqui no condomínio e pude assinar um plano com mais velocidade e ip fixo pagando o mesmo valor que a Claro me cobrava.

pequenas provedoras salvam muitos das grandes. no meu bairro nenhuma grande provedora se importou em trazer internet, só tem a Oi com o Velox via telefone ridículo dela com preços caros e poucos megas. aí uns anos atrás começou a vir as pequenas provedoras … na hora contratei uma. pagava R$140 por 20megas … hoje, com a concorrência de pequenas provedoras aqui, e a que contratei ter feito fusão com outras, tenho 300 megas por R$99. claro/Net ? Tim live ? vivo fibra ? oi fibra ? nunca ! e tem mais de 4 anos isso.

ah, aqui é 100% de download e upload. não é os 10% dessas operadoras grande não. e geralmente a provedora aqui entregam os 100% quase sempre, até passa as vezes.

você já pôs na ponta do lápis, ficar apenas com o fixo da claro, cancelar a internet deles e colocar a fibra dos outros provedores ? pode ser q fique um preço bom …

Atualmente trabalho na Unifique aqui de Santa Catarina e tenho muito orgulho de participar de uma empresa desse porte, realmente estamos brigando bonito com grandes empresas e é notável a qualidade que os pequenos provedores conseguem entregar, tanto em redes quanto em suporte.

Atualmente a Unifique foi a primeira empresa a trabalhar com o XGSPON no Brasil, sendo que as grandes empresas mal trabalham com GPON. Com essa nova tecnologia conseguem entregar planos de 2Gbits :crazy_face:

Atualmente tenho 1000Mbits e a qualidade é incrível, sempre estável e segura.

Sinto vergonha dessas grandes empresas estarem caindo… Ela possuem maiores condições e estão cada vez piores.

Lucas, estou de mudança para Floripa e pesquisando sobre provedores encontrei a Unifique. Vi que foram premiados e que estão bem ranqueados em listas de serviços de internet, mas confesso que fiquei com um pé atrás quando vi as reclamações de clientes no Reclame Aqui.

Sei que medir só por lá não é parâmetro suficiente, mas te pergunto, o serviço é realmente bom? Tenho receio de contratar e o serviço ser instável e não cumprir com as velocidades ofertadas.

1 curtida

Te recomendo muito, anexei duas capturas de testes realizadas agora: 19:50 em horário considerado pico de clientes.

A redundância da rede, de tráfegos e equipamentos é coisa de outro nível, muitas pequenas operadoras por corte de gastos acabam trabalhando com sistemas de energia mais baratos, equipamentos com somente uma fonte e também redes externas precárias, já a Unifique não, sempre prioriza qualidade do que quantidade.