Apple suspende vendas de produtos na Rússia e limita apps de mídia estatal

Queira ou não, isso é uma atitude nobre que a gente não espera de grandes empresas, que no geral só visam o lucro.

Gosto muito essa área de relacionamentos da Apple que, na maioria das vezes, prefere o bem estar humano ao lucro (até onde se pode, é claro).

Lembro até hoje de quando o Tim Cook se assumiu e a Apple, mesmo sofrendo retaliações (inclusive da Rússia), só c*gou pros comentários. Isso fora as watchfaces Orgulho para Apple Watch e os papeis de parede LGBTs dos iPhones, coisa q a gente não vê nenhuma outra fabricante de telefones fazendo.

9 curtidas

No fundo, é uma conta que eles estão fazendo e provavelmente viram que não tem problema suspender as vendas.
Rublo vale nada no momento, inflação vai comer solta, muito provavelmente as projeções de vendas eram ruins o suficiente (já que eletrônicos da Apple provavelmente não vai estar na lista de prioridades da grande maioria da população agora) pra não ter problema suspender as vendas e tem a RP positivo com boa parte do mundo. Fora que com a Rússia fora do sistema Swift, qualquer lucro com venda vai ficar retido no país porque eles não vão conseguir enviar pra fora, além, claro, da chance do governo russo tentar passar a mão caso deixem lá (improvável mas não impossível).

Mas é aquela coisa que eu já disse.
Você pode fazer a coisa certa pelo motivo errado, assim como pode fazer a coisa errada pelo motivo certo.
Cada um decide qual a Apple fez.

11 curtidas

Acho válido essa atitude, seria bom se mais empresas seguissem esse caminho.
Mas acho que Rússia viu que agora é muito tarde pra voltar atrás, mesmo com essas limitações eles não devem desistir da guerra, porém, isso serve como exemplo de que não vale a pena.

Mas ainda fico com medo do que a Rússia pode fazer a seguir, talvez decidirem invadir mais países.

1 curtida

Eles não decidiram de uma hora pra outra, foi tudo planejado pra chegar nesse momento e já ter medidas de contingência, uma delas está sendo controlar a opinião pública. O Putin sabia que teria sanções, certamente umas das medidas foi proteger o patrimônio dele antes de tudo isso começar.

Se analisarmos bem, já teve notícias veiculadas no tecnoblog a algum tempo, da Rússia enviando mergulhadores pra mapear as conexão de internet em busca de pontos estratégicos certamente. Eles estão muito bem preparados, tem a própria infra de internet, se resolverem causar um colapso na ocidental.

mas desta vez está diferente, as sanções estão muito mais pesadas do que as medidas era aplicadas antes, não sei se previram ao ponto que está hoje, pensaram que era menos, se a Europa para de comprar gás, já era a economia.

acho que daqui uns três dias que as sanções atingirem em massa a população, ai vai ser outra história interna dos russos, não vai ter como a mídia e o governo controlar a informação

@banana_Phone também não acho que volta atrás, o máximo que poderia acontecer seria um acordo, que seria até melhor até para a própria Rússia, porque ganhar a guerra não sei se é o melhor para ela

Eu queria ser inocente assim. Prefere tanto o bem-estar humano que continua vendendo na China, que é uma ditadura pior que a da Rússia, mas a diferença é que lá tem muito dinheiro a ser ganho.

6 curtidas

Eles só estão fazendo isso pois os EUA cessou as transações comerciais a Rússia…
Embora o financeiro da Apple esteja concentrado em um paraíso fiscal (Irlanda), a sede é na California, então…

2 curtidas

Não que eles tenham muita opção, até por causa das sanções.

1 curtida

Santa hipocrisia! As venda de iPhones na China que é um regime que em pleno 2022 mantém Campos de Concentração de Uigures não foi afetada! Hahahaha

1 curtida