Após Samsung, Xiaomi estaria limitando apps para favorecer benchmark

1 curtida

Surpreendendo um total de zero pessoas…

5 curtidas

Até isso a China copia xD

1 curtida

não acho errado as companhias colocarem um recurso como esse, isso pode fazer parte do planejamento de consumo de energia do aparelho. Agora, fazer isso sem o usuário saber e sem poder desativar é uma coisa ridícula. Ainda mais com os exemplos da Apple.

A apple teve isso com as baterias, mas depois de processinhos tomou vergonha.
mas acho que ela não trapaceia em benkmarks

1 curtida

Alguém me explica. A fabricante só libera o desempenho total do celular quando identifica que vai ser feito o teste de desempenho? Em outros apps, ela limita pra economizar bateria? Não aquecer? não entendi o sentido disso

Ficar bonito na foto.

Em outras palavras, usar o resultado de benchmarks pra vangloriar o produto e mascarar o desempenho real dele em usos não controlados.

2 curtidas

Quando é benchmark ela muda o perfil térmico, o usuário nunca teria acesso a essa versão rodando em um perfil térmico focado em exibir desempenho. No cotidiano ela limita o desempenho, seja pra priorizar bateria ou compensar um design térmico ineficiente. Até certo ponto todas as fabricantes fazem essa parametrização, mas o golpe está em reverter isso quando identifica que é benchmark.

3 curtidas

Penso que esse tipo de otimização é super bem vinda!
Quem não quer um desempenho otimizado para que a bateria dure mais? Afinal, vc não precisa que o clock do processador chegue no máximo ao abrir a calculadora para saber quanto cada um da mesa vai ter que pagar pelo happy hour!
Jogos mal otimizados tbm são um desastre para a duração da bateria.
O problema é fazer isso escondido, sem ter uma forma simples do usuário escolher ficar com menos bateria no final do dia, afinal de contas, “vai que ele quer”.

1 curtida

Fazer fanboys ficar se degladiando por pontos de benchmark

2 curtidas