Anatel mantém preços de roaming e rejeita proposta de TIM, Claro e Vivo

2 curtidas

Não entendi isso daí, no caso se eu como usuário Tim, for pra um local que só tenha Claro a Tim terá que pagara a claro 2,60 por cada GB de dados que eu trafegar, seria isso ou seria esse o valor que eu como usuário tenho que pagar pra outra operadora para poder usar a internet.

Não ficou explicado na reportagem direito ao meu ver.

1 curtida

Esse é o preço para as operadoras regionais usarem a rede da Tim, Claro e Vivo, entre as 3 elas não oferecem roaming para os clientes.

3 curtidas

Isso é para as operadoras pequenas que usam a infraestrutura da Tim

Algar telecom

1 curtida

Valeu pela explicação galera! Obrigado mesmo!!! Pensava que o valor pago pelas empresas como Surf Telecom, Inter, entre outras era negociado diretamente com as teles e não dependente de preço de roaming!

No caso pensei isso pois se você parar pra ver praticamente todas usavam a rede da Tim, mesmo sendo uma das piores e não da Vivo ou Claro que geralmente são melhores.

1 curtida

Essas são operadoras virtuais, elas não negociam o roaming na rede, elas alugam direto a rede da operadora, já que elas não tem rede própria nenhuma, tanto que os clientes não ficam como visitantes na rede, o que acontece se a Algar (essa sim uma operadora com rede própria em algumas regiões) fechar um acordo de roaming na rede da Vivo, o cliente vai ter um aviso no celular que está em roaming.

Aqui a questão é que a Surf Telecom é quem tem o contrato de aluguel da rede da Tim e um sistema de gestão de clientes, as outras operadoras sub locam da Surf Telecom, elas são operadoras virtuais de uma operadora virtual, por isso a maioria delas usa a rede da Tim.

Aqui um texto mostrando os valores cobrados das operadoras virtuais.

Finalmente Anatel sendo o que tem que ser, uma agência reguladora.
MAS, infelizmente, acredito que não seja por bons motivos… A
Tanure tem alta influência na Anatel, e ele é dono do que vai ser uma das maiores (ou a maior) operadora regional.

1 curtida

Por que não se discute também as franquias de internet?
Até hoje temos que conviver com o fantasma da franquia na internet fixa, as operadoras mantendo cláusula que pode limitar ou impedir o usuário de aproveitar plenamente sua conexão.

Financeiramente falando, manter redes xDSL até hoje talvez se justifica, agora querer enfiar no cliente uma limitação que em tese já foi superada por novos padrões, inclusive da própria tecnologia é obsceno!

A Oi pelo menos teve a honradez de se livrar daqueles ninhos de cabo nos postes e armários lotados, que toda semana uma equipe precisava organizar. Pior ainda são os receptadores no mercado paralelo.

A Surf Telecom teoricamente pode assinar contrato de roaming. De fato eles tinham assinado com a Oi, mas acho que nunca deu em nada.
O maior impeditivo são as cláusulas de exclusividade colocadas nos contratos de MVNO.

1 curtida

Este tópico foi automaticamente fechado após 92 dias. Novas respostas não são mais permitidas.