Alguém concorda com esta matéria sobre o preço da internet no Brasil?

Na minha opinião, a Internet, no Brasil, não é cara. O problema é que o salário é baixo para o custo de vida e acaba dando a sensação de que o serviço é caro.

O que vocês acham da matéria?

https://www.tudocelular.com/mercado/noticias/n195973/pesando-no-bolso-internet-brasileira-mais-cara.html

1 curtida

Concordo não só pra internet mas pra (quase) tudo.

4 curtidas

O problema é que o povo brasileiro ganha mal… e todo mundo sabe disso.

2 curtidas

Sim, concordo com a matéria, pois era só lê-la para ver que não estão falando de preço absoluto da internet, e sim dela em relação ao salário-mínimo de cada país.
Logo, não existe concordar ou discordar de fatos: em relação ao nosso salário mínimo, a internet é sim cara.

5 curtidas

Pior que ganhar mal é o absurdo da carga tributária, em tudo.

Esta é o verdadeiro câncer, do sistema econômico como um todo.

Cobra-se como Europa (Bem Estar Social) e entrega como EUA (quase tudo por tua conta, fora o quê as obrigações por parte do Estado raramente são bem atendidas).

É um ponto a se trabalhar.

E já resolveria significativa parte do problema.

3 curtidas

O pior é que pra resolver isso seria bem simples: tributar renda e não consumo.

Mas como já diziam As Meninas: É porque o de cima sobe e o de baixo desce.

Quem está no poder está lá em cima, então não querem inverter essa lógica.

2 curtidas

Se comparado a salário mínimo do brasileiro e extremamente cara… Em 2001 eu morava no Japão e pagava R$23 reais em conversão direta em 17mb na internet via modem NTT DoCoMo… Em 2004 já tinha planos em fibra de 100mb pelos mesmos R$23 reais equivalia a 1 hora de trabalho… A 4 anos atrás quando me mudei para o interior de Goiás, a internet mais rápida era 4 mega a R$85 reais via rádio… Hj com fibra pago os mesmos R$ 85 por 300 mega… A média tanto daqui de Goias quanto do interior de SP onde minha família mora ficam na faixa de R$100 por 200mb nos dias de hj…

1 curtida

Infelizmente não tem pra onde correr, todos os equipamentos de rede são importados (ou pelo menos os seus componentes), então o preço acaba ficando atrelado ao dolar, e como ele anda alto faz tempo, o preço da internet vai seguir alto em relação ao nosso salário.

Pelo menos hoje já temos velocidades que nos permitam usufruir plenamente da internet, afinal não vejo significativa diferença entre 200 mbps e 1gbps, antigamente a diferença era mais significativa e ficávamos atras dos outros países com um uso prejudicado da internet.

1 curtida

Quando a Hikari Premium foi lançada ela custava de 5mil a 8 mil ienes por mês dependendo do tipo tipo de sua residência, se era casa, kitnet ou apartamento.
Fora o custo de instalação que variava de 24 mil a 28 mil.
5mil ienes nunca custou 20 reais.

Sim, mas ai gritariam “imposto é roubo!”, “os pobres tem inveja” e outras coisas desse genero… hahaha

Mas sim, se não tributasse o consumo… seria perfeito. Mas o Brasil é Brasil, a gente tributa consumo, renda, transações financeiras, o ar que se respira, as ruas, etc…

2 curtidas

eu morava na época em Sendai, Miyagi-ken… Realmente a de 100mb era nesse valor, confundi com os valores que pagava da Yahoo…

1 curtida

Não se esqueça que tributamos tributos também!
Onde já se viu tributo ganhar dinheiro assim de graça?

1 curtida

Kkkk e na maior moleza

O preço da internet no Brasil é bem elevado se levado em conta o salário mínimo no país. Grande parte dos planos de banda larga fixa custa cerca de 10% do salário mínimo ou mais.
Apesar de os provedores terem aumentado bastante a velocidade de download nos últimos anos, os provedores tem tentado colocar IPTV legalizada nos planos ou SVA para manter o preço dos planos.
Uma tendência para os provedores de internet, seja fixa ou móvel é o aumento dos SVA’s uma vez que os preços no atacado tem diminuído.