A companhia dos games na quarentena: anjo e demônio sobre os ombros

Originally published at: A companhia dos games na quarentena: anjo e demônio sobre os ombros – Jogos – Tecnoblog

Jogos ajudam a manter as pessoas em casa durante o período de isolamento social, mas não devem ser a única atividade da rotina

Recomendei a muitos amigos que moram sozinhos a compra de um videogame. A “comunidade” me ajudou muito a lidar mais de boa com a quarentena.

Faço parte de uma equipe de futebol de FIFA, da modalidade Pro clubs, onde jogam 11 contra 11, como um futebol real.

No clube temos 24/25 atletas, 3 diretores… a gestão é a mesma de qualquer grupo, treinos, egos, elencos, relações.

Algumas dessas pessoas se tornaram amigas reais, nos encontramos antes da pandemia, etc.

Assim, além de ocupar a cabeça, tenho amigos, os quais nos “encontramos” 3x por semana pra treinos e jogos. Isso é de uma ajuda absurda. A sensação de grupo continua, distração, companhia e etc…

Sigo recomendando, tem sido absurdamente útil o videogame na pandemia. Claro, só não pode virar um vício que afete sua vida, como qualquer outra coisa.

3 curtidas

Matéria muito equilibrada e bem escrita.

2 curtidas

Matéria muito boa! Divulgando aqui…

1 curtida

Este tópico foi automaticamente fechado após 92 dias. Novas respostas não são mais permitidas.