A Avell acaba de lançar o B.On Lite, um notebook para estudo ou trabalho

1 curtida

Interessante opção para concorrer com a linha Inspiron 15 da Dell.
Um ano atrás procurava notebook para desenvolvimento e quase comprei um Avell mas não compensava investir em uma placa parruda que iria ficar subutilizada.

2 curtidas

Bacana vir com RAM de 3200MHz e NVME de 500GB, mas tá meio caro né gente…? Sei la…

Ainda achei caro, não sei se tem algum diferencial na construção que justifique o preço, sou mais de ir num Acer com ryzen 7 5700u.

A Avell bem que podia pensar em trazer uns modelos Ryzen.

4 curtidas

Por esse preço e mais 1 mil dá pra levar um Dell G15 e ainda jogar!

2 curtidas

:point_right: já passou da hora de criar em uma padronização para placas-mãe e laptop … poxa vida, poder ser substituídas seria a melhor coisa… é uma decepção muito grande você se Apegar ao hardware Físico do laptop e depois ter de trocar o laptop inteiro … por exemplo, você se acostumar à digitar, se acostumar à segurar … acostumar à maneira de conectar as coisas, e derrepente ao trocar de laptop as conexões fisicas ser em locais diferentes, o peso , as dimensões e tamanho ser outros, e o pior é quando tem alguma quina quadrada que machuca o pulso ao digitar … ou quando esquenta a mão da pessoa… enfim, é cada vez um laptop pior que o outro em matéria de ergonomia… parece que os funcionários que cuidavam da estética e ergonomia foram demitidos pois em todas as marcas só o que vemos agora são designers péssimos… é triste viu… será ótimo se acontecer uma padronização que permita trocar a placa mae dos laptops… ou seja… as portas USB e HDMI não vir mais soldadas na placa mãe mas sim essas conexões fisicas ficar presentes no laptop de vez (numa peça de placa mae fininha, sem nada eletrônico nessa placa mas sim apenas as conexões fisicas, e a placa mãe maior se encaixar nessa menor com a propria lateral dela (assim como o encaixe de uma memória RAM de laptop, só que esse encaixe sendo grande de uns 15 cm pra pegar a lateral inteira da placa mãe maior e assim comportar todos os filamentos do HDMI e das portas USB fisicas passando de uma placa à outra)… e na placa mãe interna (a que será substituível) nela sim estar todas as coisas eletrônicas, o processador e os encaixes dememoria RAM, todos dispostos de uma maneira que seja setorialmente padronizado em altura (grossura) para que uma vez colocada no laptop o metal do cooler dê encaixe … ou seja… o metal de dissipador seja reto e grande… respeitando apenas a altura entre ele e a placa mae… mas seja grande… sobrando … e numa nova placa mãe que for criada depois caso o DIE do processador seja maior não haverá problema em utilizar o mesmo cooler (com o metal de dissipação),… só se numa placa mae mais nova o DIE do processador for mais fino é que precisaria de uma capinha acima do DIE do processador para dar a altura necessária … ou seja… numa placa mãe mais nova caso necessário isso ja viria colocado na placa mae sobre o processador (assim como os processadores desktop ja vem com a parte quadradinha metalica neles)… e assim daria a altura correta para encaixar no padrão anterior… enfim… seria uma ótima solução para varias placa mãe mais novas poder ir sendo colocadas num mesmo laptop ano apos ano e não obrigar o usuário a ter de trocar o laptop inteiro… além disso esse esforço da indústria seria bom para padronizar a qualidade do touch , qualidade do som utilizado nos laptops, qualidade da webcam e microfones, e padronizar teclas de atalho exclusivas de laptop , acabar com laptops onde as teclas de atalho são confusas e despadronizadas… eliminar a necessidade de apertar teclas de FN para ligar o Wi-Fi (manter o wifi sempre ligado), enfim… padronizar para melhor… e dentro do Windows é que o Windows poderia ver o número de série e modelo do teclado do laptop, do touch e a tela do laptop e o Windows Já ter as configurações certas para esses componentes, ou seja, nada de ter uma bios específica do laptop na placa mãe só por causa do teclado, touch e tela do laptop ser exclusivos ou especiais, nada disso, o certo é eliminar essa palhaçada de bios exclusiva e esses hardware Físicos ser reduzidos ao que são: hardware, ou seja, quem tem de reconhecer e usar corretamente é o Windows, a Dell e outras empresas criam bios exclusiva que controla o teclado de modo a não incluir um teclado completo com chip próprio, algo feio demais, é uma economia porca, o teclado deveria ter seu próprio chip e ser reconhecido pelo Windows como qualquer outro teclado, mas em vez disso a dell incluiu um bios personalizado na placa mãe que passou a trabalhar em dobro (fazendo a função de bios e a função de ser o chip controlador do teclado e assim esse chi trabalha em dobro para enganar o Windows e apresentar o teclado como um teclado PS2 para o Windows… já o controlador do touch em alguns laptops também foi parar na placa mãe (tornou-se impossível trocar a placa mae de um laptop por causa desses dois detalhes) o certo é esses dois hardwares (teclado e touch) terem seu próprio chip cada um, que os faça ser reconhecidos como dispositivo usb em qualquer placa mãe e assim poder ser criado um padrão de tamanho e dimensão fixas pra que ano após ano a placa mae do laptop possa ser trocada por algo mais novo… é o que precisa acontecer, pois o mercado de desktop esta cada vez menor e cada vez mais a preferência é em comprar laptops, mas as fabricantes de laptop não estão pensando nos usuários que querem fazer upgrade… além disso, uma padronização favorecerá a venda da placa mae antiga como algo usado, pois qualquer pessoa leiga poderá comprar a placa mae antiga de alguém e reutilizar para colocar em outro laptop ou mesmo em um desktop

De novo esse texto mal redigido e diagramado.

Se a ideia fosse tão boa tava alguém ganhando dinheiro com ela, se não estão fazendo é pq a ideia é uma merda mesmo.

8 curtidas

De nada…

3 curtidas

Eu acho que já falei isso em outro tópico sobre o mesmo assunto com o mesmo cara

1 curtida

Como sempre as fabricantes fazendo péssimas escolhas para o mercado Brasileiro. O notebook parece bem redondinho…até vc ver a bateria: míseros 36Wh, num intel ainda por cima, isso vai te dar no máximo umas 4h de uso. Bateria para notebook de 14" ou mais deve ser de pelo menos 60Wh, para o usuário ter umas 7/8h de uso leve. Fora esse preço ai, devia começar em uns 3k pelo hardware, afinal já temos Ryzen 6000 e Intel 12º geração chegando ao mercado.

2 curtidas

Nem perca seu tempo com esse user… Só quer causar com walls of text em todo lugar que eles posta.

Muito caro pelo que oferece.
Esses Intel de 11gen e uma bateria mixuruca dessas, combinação pra ficar na mão.

Muito mais negócio os Acer com Ryzen 5000, que contam com tela IPS FHD.

1 curtida

Alguma informação sobre a fidelidade da reprodução de cores?
A Avell mudou pra pior o seu site, e pelo menos destes notebooks B.On Lite, não revelou o dado.

Tenta ir na área de suporte, lá tem os downloads de drivers e manuais e a ficha técnica completa costuma estar disponível no manual também…

1 curtida